25 Março 2023, Sábado
- PUB -
InícioSociedadeInfiltrações e curtos-circuitos em centro de saúde de Setúbal deixam utentes sem...

Infiltrações e curtos-circuitos em centro de saúde de Setúbal deixam utentes sem consultas

O Centro de Saúde da Praça da República encerrou consultas devido a problemas eléctricos. Embora a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo garanta que nenhum utente vai ficar sem resposta e hoje as consultas da manhã foram canceladas e as portas chegaram a fechar

 

- PUB -

O Centro de Saúde da Praça da República, em Setúbal, encerrou esta quinta-feira alguns serviços devido a alegados problemas na instalação eléctrica.

Durante a manhã os utentes chegaram a afirmar que esta Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados estava encerrada, sem perspectiva de quando voltaria a funcionamento “ou de como as consultas canceladas voltariam a ser organizadas”.
No entanto a informação não estaria correcta devido a falhas na informação que deveria ser transmitida aos utentes, pelos funcionários administrativos.

Em contacto com a direcção do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Arrábida o jornal, O SETUBALENSE esclareceu que, os serviços não estão encerrados na totalidade, estando a ser efetuados, por exemplo tratamentos de enfermagem.

- PUB -

No entanto, as consultas do dia não puderam ser realizadas devido às constantes falhas no sistema informático, causadas por disparos do quadro eléctrico.

Recorde-se que, recentemente, o Centro de Saúde da Praça da República, a funcionar no edifício da Segurança Social, que em 2019 assinalou 50 anos de construção, foi alvo de várias queixas por parte de utentes que aguardavam na sala de espera, entre baldes e outros recipientes, que recolhiam a água proveniente de infiltrações no tecto.

Embora essa situação já esteja resolvida, parte da sala permanece vedada por questões de segurança enquanto o tecto seca.

- PUB -

Enquanto isso, problemas colaterais, potencialmente relacionados com as infiltrações, começam agora a surgir na instalação eléctrica.

Administração Regional confirma limitação de serviços

O jornal O SETUBALENSE contactou a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), no sentido de conhecer a real dimensão dos problemas desta unidade de saúde, tendo a entidade confirmado que, de facto, o centro está “a funcionar com limitações” devido a “uma avaria na instalação elétrica”.

Uma situação que está a provocar “limitações nas consultas programadas”, embora as mesmas já estejam a a ser reagendadas.

“Quanto aos utentes com situações clínicas agudas estão a ser atendidos na unidade, podendo, após avaliação, ser encaminhados para outras unidades do SNS [Serviço Nacional de Saúde] existentes na cidade”.

A ARSLVT informa também que já acionou a necessária intervenção no edifício, “estando neste momento uma empresa especializada a fazer essa intervenção”. E estima que o normal funcionamento possa ser restabelecido a muito curto prazo, não adiantando de momento uma data em concreto.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Casal vivia com três crianças em casa com condições miseráveis no Bairro da Conceição

Menores foram retirados pela PSP e pelo INEM. Casa, sem higiene, não tinha porta nem janelas

Carro abalroa moto da PSP e deixa polícia de Setúbal em estado grave

Agente de 39 anos foi transferido para o Hospital Garcia de Orta com prognóstico reservado

Antiga Universidade Moderna simplesmente desapareceu

Edifício foi totalmente demolido, sendo iniciadas as escavações para dar lugar a 77 apartamentos divididos em cinco pisos
- PUB -