1 Agosto 2021, Domingo
- PUB -
Início Local Barreiro Marinha Portuguesa colabora na preservação da Mata da Machada

Marinha Portuguesa colabora na preservação da Mata da Machada

A Marinha Portuguesa, através da Escola de Fuzileiros do Barreiro, está a colaborar com a Câmara Municipal na preservação da Mata da Machada. O objectivo passa por limpar este território durante o verão, local onde os formandos e militares da Marinha realizam vários treinos diariamente.

- PUB -

Esta actividade, segundo a instituição, insere-se no programa de requalificação da Mata da Machada e teve início este fim-de-semana. Actualmente, a acção conta com a participação de 30 formandos de vários cursos.

“O contributo centra-se em apoiar o esforço de desmatação, limpeza e contenção de pragas invasoras daquele espaço e é supervisionado por técnicos ambientais do município, que promovem um trabalho essencial à preservação da Mata da Machada”, explica a Marinha Portuguesa.

Para além da responsabilidade da instituição, que é uma das principais e regulares utilizadoras daquele espaço no âmbito da formação e treino dos militares e futuros militares, esta iniciativa enquadra-se também “no desenvolvimento de uma cultura cívica de serviço comunitário nos formandos da Escola de Fuzileiros”.

- PUB -
- PUB -
- PUB -

Mais populares

Moradores na Quinta da Amizade contestam fogos municipais, mas vereador Carlos Rabaçal promete valorização

Na calha pode estar a construção de 268 fogos. Os residentes temem densidade populacional e perderem conforto   Os moradores na Quinta da Amizade, na freguesia...

“Quero fazer esta época o jogo de despedida para depois assumir o cargo de treinador”

“Não me ofereço aos clubes e não peço favores a ninguém, se tiver que treinar será onde me queiram e onde acreditem em mim”, refere Paulo Catarino

Península de Setúbal com mais 29 mil pessoas e Litoral Alentejano perde pouco em dez anos

Censos de 2021 indicam que Palmela é o concelho da península que registou maior aumento da população residente. Odemira é o que mais cresce...
- PUB -