9 Agosto 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioOpiniãoEscola a pé

Escola a pé

Em ano de eleições o local agita-se. Basta ler o Diário da Região para sabermos de algumas das enormes propostas que começam a ver a luz do dia, propostas, repito. Todavia, muitas vezes, mais do que se supõe, o verdadeiramente bom são pequenas ideias que resultam em enormes benefícios.  Vem a propósito andar, uma das minhas maiores convicções.

- PUB -

Fomos nómadas durante milhares de anos, muitos mas muitos ainda o são, dizem alguns que são os humanos mais livres e felizes. Só conhecemos verdadeiramente um lugar, e as suas gentes, a pé. Os sentidos de proximidade como o tato, olfato e paladar, só se manifestam assim, a pé. Vem isto, hoje, a propósito do ir a pé para a escola. Na verdade, mesmo os mais distraídos já deram conta, nas nossas pequenas cidades, vilas e aldeias, da agitação automobilística do “levar a criança à escola”. A oportunidade de mostrar o novo modelo e o filho vestido da cabeça aos pés com as boas marcas, provavelmente com as calças rotas, é irrepetível ao longo do dia. Como o volante é excelente para encontrar motivos de stress não raras vezes este é também um dos ingredientes à porta da escola, o stress do carro mal estacionado que não deixa passar o pai mais apressado.

Como não há nada que um homem idealize que outro não realize eis que, em boa hora, a Câmara Municipal de Constância, em parceria com outras entidades, promove a ida a pé para a escola. Excelente exemplo que tem de ser generalizado quanto antes, as crianças andam alegres e felizes e ao “saltar nas poças” junta-se o prazer do “contar histórias” e da partilha intergeracional. Grandes cidades europeias como Paris assumem projetos deste tipo como essenciais, na primeira semana de aulas, pais, professores, policia, voluntários etc., dedicam algum tempo a ensinar às crianças o trajeto de casa para a escola. Os principais percursos estão devidamente sinalizados, designadamente com sinalética adequada no solo. Em Espanha muitas terras também o fazem. Por cá é importante que esta prática se generalize nas nossas terras, todos ganhamos, sobretudo a qualidade de vida das crianças e dos pais. Nada justifica as filas de automóveis que se formam à porta das escolas. Os grandes estudos e projetos sobre um dos temas da moda, a mobilidade, às vezes não necessitam de muito investimento para se constituírem em ações transformadoras de grande importância; este exemplo que chega de Constância é excelente para o demonstrar.

Comentários

Carlos Cupeto
Universidade de Évora
- PUB -

Mais populares

Histórica estação rodoviária na 5 de Outubro vai dar lugar a supermercado Continente

Edifício está a ser alvo de estudos há cerca de uma semana, com o objectivo de abrir espaço do grupo Sonae

Hospital da Luz Setúbal confirma nova clínica no centro da cidade

Dr. José Ferreira Santos, director clínico do estabelecimento, confirma pólo adicional para aproximar clientes do centro hospitalar

João Martins: “Deixo uma casa com bom nome e reconhecida”

Criou, desenvolveu e consolidou a Escola Profissional do Montijo (EPM). Ao fim de 29 anos e uns pozinhos, o professor decidiu passar o testemunho
- PUB -