23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Vacinação anti-rábica e de identificação electrónica arranca no fim do mês

Vacinação anti-rábica e de identificação electrónica arranca no fim do mês

Vacinação anti-rábica e de identificação electrónica arranca no fim do mês

Município e Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária promovem acção que dura até meados de Dezembro

 

Arranca no final deste mês a campanha anual de vacinação anti-rábica e de identificação electrónica de cães. Desde final de Maio e até Dezembro, existem 34 datas disponíveis em que os donos podem usufruir deste serviço promovido pela câmara municipal.

- PUB -

As marcações deverão ser feitas através do endereço https://forms.gle/yDSk6pnRuzdBp9R66 onde está disponível a informação do valor da vacina (10 euros) ao qual acresce um euro pela emissão do boletim sanitário, e 2,50 euros para a colocação de microchip. As inoculações vão ser feitas, em diferentes momentos, em vários pontos das cinco freguesias do concelho existindo ainda seis dias específicos onde os animais podem ser levados ao Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia do Município de Setúbal (CROAC), em Poçoilos, para tal efeito.

Em nota de Imprensa da Câmara Municipal de Setúbal, que desenvolve a acção em parceria com a Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, sabe-se que ficam isentos destes pagamentos “os cães-guia, cães-guardas de estabelecimentos do Estado, de corpos administrativos, de Instituições de Beneficência e de Utilidade Pública, dos Serviços de Caça do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, e os cães das autoridades militares, militarizadas e policiais sem assistência clínica privativa”.

No dia do agendamento os cuidadores dos animais de quatro patas devem transportar consigo os seguintes documentos: “cartão de cidadão ou BI (ou passaporte no caso de pessoas estrangeiras); NIF (número de identificação fiscal do detentor dos animais); morada completa (com os 7 algarismos do código postal); boletim sanitário do animal, caso possua, valor para pagamento em numerário (não são aceites pagamentos com MB); cão com trela (e açaime, em caso de necessidade)”.

- PUB -

Mais se informa que os cuidadores serão informados “se os animais presentes à campanha exibirem sintomas suspeitos de doença infecto-contagiosa com potencial zoonótico,
nomeadamente leishmaniose, sarna e dermatomicoses”.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -