23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Três homens detidos em Alcácer do Sal por furtos em estabelecimentos comerciais

Três homens detidos em Alcácer do Sal por furtos em estabelecimentos comerciais

Três homens detidos em Alcácer do Sal por furtos em estabelecimentos comerciais

Suspeitos, dois com 22 anos e um com 21 anos, são os alegados autores de “diversos furtos em supermercados em Grândola e Alcácer do Sal”

 

Três homens foram detidos pela GNR por suspeitas de furtos em estabelecimentos comerciais de Alcácer do Sal e Grândola, tendo os militares apreendido diversos artigos no valor estimado de 3 mil euros.

- PUB -

Em comunicado, o Comando Territorial de Setúbal da GNR explicou que os homens foram detidos, na quinta-feira, por militares do Posto Territorial de Grândola.

Segundo a GNR, “os três suspeitos foram reconhecidos por um militar da Guarda” quando se encontravam “junto a um estabelecimento comercial em Grândola”.

Depois de abandonarem o local num veículo, “foram realizadas acções policiais” para interceptar os três homens, que acabaram por ser abordados pelos militares da GNR na cidade de Alcácer do Sal, explicou aquela força de segurança.

- PUB -

Contactada pela agência Lusa, fonte da Guarda revelou que os indivíduos, dois com 22 anos e um com 21 anos, são os alegados autores de “diversos furtos em supermercados em Grândola e Alcácer do Sal”.

“Os suspeitos eram reconhecidos pelos supermercados, que apresentaram queixas-crime, graças às imagens de videovigilância que possuem” dos referidos furtos, explicou a fonte.

A investigação por vários furtos em estabelecimentos comerciais restava em curso e, de acordo com o comunicado da GNR, os suspeitos, foram detidos “em flagrante” delito.

- PUB -

Os indivíduos tinham na sua posse diversos artigos furtados, provenientes de vários estabelecimentos comerciais, no valor estimado de 3.000 euros, que a GNR apreendeu.

Na acção policial, que foi reforçada por militares do Posto Territorial de Alcácer do Sal e do Destacamento Territorial de Grândola, foram ainda apreendidos um veículo, 1.025 euros em numerário e produtos alimentares, cosméticos e informáticos.

Ainda de acordo com a GNR, o condutor do veículo terá incorrido também “no crime de condução sem habilitação legal”.

Os detidos foram constituídos arguidos e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Grândola.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -