23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Três novos hotéis vão ajudar a impulsionar (ainda mais) o turismo na cidade

Três novos hotéis vão ajudar a impulsionar (ainda mais) o turismo na cidade

Três novos hotéis vão ajudar a impulsionar (ainda mais) o turismo na cidade

Avenida da Europa, Avenida 22 de Dezembro e 7.ª Bataria do Outão são os locais onde vão nascer novas infra-estruturas

A cidade de Setúbal prepara-se para receber três novas infra-estruturas hoteleiras com o intuito de chamar (ainda mais) turistas. Entre a Avenida da Europa (Estrada das Machadas), a Avenida 22 de Dezembro e a 7.ª Bataria do Outão vão ser construídos três hotéis, em que dois deles serão de quatro estrelas.

- PUB -

O primeiro destes, na Estrada das Machadas, está já em fase de construção e terá a capacidade de 120 quartos a cargo do promotor Gratitude Meridian, Lda. A segunda empreitada, na Avenida 22 de Dezembro, encontra- -se “em fase de emissão de licença de construção”. Mais uma estrutura com quatro estrelas, e a cargo do promotor SOSIDIS, esta que contará com 72 quartos. Já o edifício no Outão está em “preparação do procedimento de elaboração de Plano de Pormenor” e, não se sabendo “a classificação a nível do número de estrelas”, contará com 35 quartos pelo promotor Sopro Genial, Unipessoal Lda.

Estes três espaços vão ajudar a que o concelho setubalense se continue a afirmar no sector do Turismo. Em 2023, Setúbal ocupou o segundo lugar dos concelhos da península com mais dormidas ficando apenas atrás de Almada.

Não só em relação à Península de Setúbal que a cidade do choco se afirma, contribuindo também para as estatísticas dos hóspedes na Área Metropolitana de Lisboa (AML). Segundo dados facultados pela câmara municipal sadina, e comparando os anos de 2022 e 2023, a cidade teve um aumento na ordem dos 6,47% em termos de dormidas. No total foram registadas 392.326 dormidas (2023) equiparando com os números do ano anterior, 368.470 (2022).

- PUB -

Os últimos dados registados tinham sido em 2019 (357.972 dormidas) e, tendo em conta que os últimos números são superiores aos registados antes da pandemia, para o concelho não houve grande dificuldade em ‘voltar à normalidade’.

Relativamente ao número de hóspedes também estes se registaram em maior quantidade no ano passado. Face aos números de 2022 (171.850) os valores registados em 2023 (182.385) são superiores em 6,13%. De um ano para o outro foram, ao certo, mais 10.535 hóspedes. Neste campo não se assinalaram dados entre os anos de 2019 e 2022.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -