20 Maio 2024, Segunda-feira

- PUB -
Politécnico de Setúbal cria apoios e prémios para fomentar igualdade de género

Politécnico de Setúbal cria apoios e prémios para fomentar igualdade de género

Politécnico de Setúbal cria apoios e prémios para fomentar igualdade de género

Estabelecimento de ensino vai ajudar financeiramente alunos de CTeSP, pós-
graduação e mestrado

 

Os estudantes do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) matriculados em Cursos
Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP), pós-graduação ou mestrado vão ter a
oportunidade de receber apoios que abrangem a totalidade das propinas anuais.

- PUB -

No leque incluem-se também os estudantes que com necessidades sociais comprovadas.
Para cada ano curricular, serão atribuídos três prémios no valor de 697€ cada.

Promover a participação do público feminino em áreas de formação que têm sido
dominadas por estudantes do sexo masculino é outra das propostas, disponibilizando
três prémios para estudantes do sexo feminino nos cursos de CTeSP de Construção
Civil, Gestão Retalhista, Logística (em Loures), Produção Audiovisual (na Amadora),
Tecnologias de Laboratório Químico e Biológico (em Vila Franca de Xira e Loures), e
Tecnologias de Programação e Sistemas de Informação (na Amadora e em Lisboa),
como explica a nota de Imprensa enviada à redacção de O SETUBALENSE.

O IPS consente 30 prémios destinados a estudantes de cursos de mestrado e pós-
graduação. Para o primeiro ano, serão atribuídos 10 prémios no valor de 990€, e para o
segundo ano, outros 10 no valor de 495€, ambos destinados a estudantes do sexo
feminino em Mestrado em Ciência de Dados para Empresas. Os outros 10 prémios, no
valor de 750€, serão entregues às estudantes da Pós-Graduação em Gestão e
Visualização de Dados na Nuvem.

- PUB -

Este projecto será financiado pelo Programa de Recuperação e Resiliência (PRR), e tem
o objectivo de oferecer apoios e prémios a estudantes que se destacam nas áreas de
formação com componentes digitais e contribuir para reduzir as desigualdades
económicas e sociais. A proposta reforça o compromisso da instituição em reconhecer e
incentivar o desempenho académico excepcional dos alunos.

O projecto SONDA2026 visa alcançar diversos objectivos estratégicos, incluindo a
expansão da oferta formativa de CTeSP na zona norte de Lisboa e em Sines, bem como
a criação de uma Escola Superior no Litoral Alentejano.

As candidaturas para os CTeSP estão abertas até 16 de Agosto. Para Mestrados e Pós-
Graduações serão realizadas de 25 de Agosto a 6 de Setembro e todas as candidaturas
submetidas online através do portal do IPS.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -