23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Greve da Autoviação Feirense esta terça-feira afecta transportes públicos no concelho

Greve da Autoviação Feirense esta terça-feira afecta transportes públicos no concelho

Greve da Autoviação Feirense esta terça-feira afecta transportes públicos no concelho

BE de Setúbal mostra-se ao lado dos trabalhadores e afirma já ter questionado autarquia e Governo

 

Quem utiliza transportes públicos no concelho e distrito de Setúbal o dia de amanhã poderá trazer algumas complicações ao nível destes serviços. O Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos de Portugal da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (STRUP/FECTRANS) convocou para esta terça-feira uma greve na empresa Autoviação Feirense, transportadora subcontratada pela Alsa Todi, que tem motoristas a actuar na Península de Setúbal, através da Carris Metropolitana.

- PUB -

Na base destas perturbações estão reivindicações que se prendem, entre outras, com o pagamento em atraso do “trabalho extraordinário, horas nocturnas e subsídios de refeição”, “aplicação e cumprimento integral do acordo de empresa da Alsa Todi”, e uma palavra contra o “assédio moral e laboral feito aos trabalhos”.

Em comunicado a central sindical lembra que, em Setembro, houve um “acordo da administração da Feirense em aplicar a convenção colectiva da Alsa Todi e pagar as remunerações em atraso, mas não cumpriu, continuando a somar dívidas para com estes trabalhadores”.

Por estas razões deverão sentir-se perturbações nas carreiras dos autocarros, das quais a STRUP/FECTRANS remete a total responsabilidade para a “administração da Feirense que não respeita quem trabalha”.

- PUB -

Bloco de Esquerda ao lado dos trabalhadores

A concelhia setubalense do Bloco de Esquerda mostra estar ao lado dos trabalhadores neste dia que será de greve. Em nota de Imprensa enviada à redacção de O SETUBALENSE consideram que a “Autoviação Feirense, não tem cumprido com a convenção colectiva aos trabalhadores”.

Relembram que, a 30 de Junho, questionaram a Câmara Municipal de Setúbal, em sede de assembleia municipal, “situação reiterada por requerimento ao executivo face à falta de respostas em sede de assembleia municipal”.

- PUB -

Ao nível da Administração Central evocam o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda para afirmar que a questão já é conhecida pelos governantes.

“O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda já questionou o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, que medidas irá adoptar o Governo para garantir que a estes motoristas são garantidas condições de igualdade no cumprimento dos seus direitos laborais”.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -