12 Junho 2024, Quarta-feira

- PUB -
Exclusivo | André Pinotes Batista é o candidato à sucessão de António Mendonça Mendes

Exclusivo | André Pinotes Batista é o candidato à sucessão de António Mendonça Mendes

Exclusivo | André Pinotes Batista é o candidato à sucessão de António Mendonça Mendes

Barreirense vai encabeçar aquela que deverá ser a única lista a ir votos para a distrital do PS. Eleições antecipadas. Congresso nacional previsto para Março

 

A presidência da Federação Distrital de Setúbal do Partido Socialista (PS) vai mudar de mãos no início do próximo ano. As eleições para o órgão vão ser marcadas para Fevereiro próximo e André Pinotes Batista, 39 anos, vai encabeçar aquela que deverá ser a única lista a ir a votos, apurou O SETUBALENSE junto de fontes bem colocadas no seio do partido.

- PUB -

Os socialistas preparam-se para realizar eleições antecipadas para as comissões políticas concelhias já em Janeiro, às quais se seguirão as eleições para as federações em Fevereiro e a realização do congresso nacional em Março. A estratégia passa por “criar dinâmica para as eleições europeias” que se vão realizar em Junho deste ano, admite fonte socialista.

As datas das eleições para as estruturas locais e distritais do partido – tal como para a realização do congresso nacional – não estão ainda fechadas. Mas “é praticamente certo que vão ser aprovadas para se efectuarem em Janeiro, para as comissões políticas concelhias, e em Fevereiro, para as federações”, garante uma outra fonte do partido.

No interior do PS há, de resto, também quem acredite que as decisões só serão conhecidas a partir de meados de Outubro. “Nunca deverão ser tomadas antes de António Costa entregar o Orçamento do Estado [que deverá ocorrer no próximo dia 10].”

- PUB -

Certo, para já, é que as eleições internas serão antecipadas e que André Pinotes Batista – que acumula as funções de deputado à Assembleia da República eleito pelo círculo de Setúbal com as de presidente da Assembleia Municipal do Barreiro – irá a votos pela presidência da Federação Distrital de Setúbal do PS, sabe O SETUBALENSE. Nos bastidores do partido, em termos distritais, existe também a convicção de que a lista liderada por Pinotes Batista “deverá mesmo vir a ser a única” a ser submetida a sufrágio, uma vez que não estará longe de recolher consensos.

O parlamentar e autarca – que é também comentador político na rádio Popular FM e comentador desportivo no Correio da Manhã TV – prepara-se, assim, para suceder no cargo a António Mendonça Mendes, que está impedido de se recandidatar por ter atingido o limite máximo de mandatos possíveis à frente dos destinos da distrital socialista.

Contactado por O SETUBALENSE, André Pinotes Batista escusou-se a tecer quaisquer comentários. Mas, apesar de não confirmar (nem desmentir) a candidatura ao órgão, com António Mendes fora da equação Pinotes Batista ficou com caminho livre à sua frente, até porque esta era condição sine qua non que estabelecera para assumir o desafio, conforme deixou implícito em entrevista concedida a O SETUBALENSE em Junho do ano passado.

- PUB -

“Acho que a federação está muito bem entregue a António Mendonça Mendes. (…) estando a federação bem entregue jamais faria fosse o que fosse que fragilizasse a distrital. Era incapaz, por uma ambição pessoal, de prejudicar isso, ponto 1; e, ponto 2, António Mendonça Mendes é um grande presidente e deve continuar à frente da federação”, disse então Pinotes Batista, num balanço à década que concluiu na liderança da Comissão Política Concelhia do Barreiro do PS.

As últimas eleições para a Federação Distrital de Setúbal do PS realizaram-se em Novembro do ano passado.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -