13 Junho 2024, Quinta-feira

- PUB -
“Eu sou” mostra pobreza e exclusão social na primeira pessoa

“Eu sou” mostra pobreza e exclusão social na primeira pessoa

“Eu sou” mostra pobreza e exclusão social na primeira pessoa

Iniciativa está inserida na Semana da Interculturalidade. Documentário é transmitido na Casa das Imagens Lauro António

 

“Eu sou”, um documentário com representação de situações reais de pobreza e exclusão social, vai ser exibido no próximo sábado na Casa das Imagens Lauro António, em Setúbal.

- PUB -

A produção cinematográfica realizada por Bruno Moreira e Filipa Gaspar em 2021 propõe-se a “sensibilizar para uma realidade das sociedades contemporâneas, proporciona uma viagem pelas vivências do desemprego, da migração e da exclusão, realçando, ao mesmo tempo, a importância da existência de um Estado Social”, tal como explica informação
da Câmara Municipal de Setúbal.

Depois da exibição, que está marcada para as 15h00, sucede-se uma conversa onde é esperada a presença de um dos realizadores e alguns dos actores, com o objectivo de reflectir sobre a mostra cinematográfica e ter uma tertúlia “para cruzar olhares e reflexões em torno da interculturalidade e dos Direitos Sociais”.

Na iniciativa vão estar presentes representantes do Núcleo distrital da Rede Europeia Anti-Pobreza (EAPN Portugal) e da autarquia setubalense, entidades responsáveis pela organização do evento que está incluído na Semana da Interculturalidade, criado pela câmara, no sentido de “estimular o diálogo e a relação entre culturas e, em simultâneo, mostrar que a interculturalidade é, também, uma forma de combater situações de exclusão social”.

- PUB -

A sessão de cinema e a conversa têm a entrada gratuita mediante inscrição prévia que pode ser feita através do e-mail setubal.territoriointercultural@mun-setubal.pt.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -