18 Maio 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalRequalificação da casa que viu nascer Luísa Todi está para breve

Requalificação da casa que viu nascer Luísa Todi está para breve

Município sadino pretende instalar no imóvel, adquirido em 2004, um museu, um núcleo documental e um auditório

 

- PUB -

A requalificação da casa que viu nascer Luísa Todi vai avançar em breve, num processo de “grande valorização e promoção da cultura local e da projecção de Setúbal a nível nacional e internacional”.

O anúncio foi feito por André Martins, presidente da Câmara Municipal de Setúbal, no passado sábado, na inauguração do Centro de Recursos Educativos e Culturais – Escola Conde de Ferreira.

A cantora lírica setubalense nasceu no dia 9 de Janeiro de 1753 na casa n.º 49-51 da Rua de Coina, actual Rua da Brasileira, na extinta freguesia de Nossa Senhora da Anunciada.

- PUB -

A edilidade sadina adquiriu o imóvel em 2004 já com a finalidade de nele instalar um museu, um núcleo documental e um auditório. De acordo com a Direcção-Geral do Património Cultural, trata-se de uma “casa muito singela, situada no típico Bairro do Troino, tendo como principal valor o seu interesse memorial”.

“É um pequeno prédio setecentista, com dois pisos e sótão, e uma estreita varanda com guarda de ferro forjado estilo arte nova no primeiro piso”.

Considera André Martins que é tempo “de criar condições para que os agentes que promovem e divulgam as artes e a cultura setubalense possam ter acesso a melhores condições para desenvolverem a sua actividade”.

- PUB -

É nesse contexto que, nos próximos dias, “algumas associações serão contactadas para visitarem os novos espaços em que vão poder desenvolver as suas actividades”.

“Progressivamente o concelho estará ao mais alto nível de referência na área da cultura e do desporto, no que é a concretização da ideia de continuar a construir mais cidade, mais Setúbal”, garantiu o autarca.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -