22 Setembro 2021, Quarta-feira
- PUB -
Início Local Setúbal Poeta e tradutor Pedro Tamen morre aos 86 anos em Setúbal

Poeta e tradutor Pedro Tamen morre aos 86 anos em Setúbal

O poeta Pedro Tamen, de 86 anos, morreu ontem em Setúbal, onde estava hospitalizado, disse à agência Lusa fonte próxima da família.

- PUB -

Tamen, que também foi tradutor, estreou-se, em 1956, com a obra “Poema para Todos os Dias”, tendo publicado cerca de oito títulos de poesia, entre eles “O Livro do Sapateiro”, que lhe valeu o Grande Prémio de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores, em 2010, e o Prémio Casino da Póvoa/Correntes d’Escritas, em 2011.

Pedro Tamen escreveu também teatro e traduziu autores como Gabriel Garcia Marquez, Reinaldo Arenas, Marcel Proust e Gustave Flaubert.

A ministra da Cultura, Graça Fonseca, já lamentou a morte do escritor e tradutor, que classificou de “figura maior da literatura portuguesa”.

- PUB -

Numa mensagem publicada na rede social Twitter, a ministra salientou que Tamen “construiu uma obra poética extraordinária, com um domínio magistral da língua portuguesa e das suas sonoridades”.

Director da extinta editora Moraes, com o escritor António Alçada Baptista, foi vogal do conselho de administração da Fundação Calouste Gulbenkian, desde 1975 até 2000.

Foi também membro da direcção e presidente da assembleia geral da Associação Portuguesa de Escritores.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Burger King abre 12.° restaurante no Distrito de Setúbal

A marca Burger King aumentou para 12 o número de restaurantes que detém no Distrito de Setúbal, com a abertura de mais uma unidade...

Presidente da Fertagus diz que comboio até à Gare do Oriente depende do Estado

Ana Cristina Dourado afirma que a empresa tem objectivo de prolongar o serviço que termina na zona Roma-Areeiro

Homem desfigura prostituta à pancada em Grândola e foge do tribunal depois de apanhado a roubar carro

Dependente de cocaína, João Pratas responde agora por tentativa de homicídio com julgamento a decorrer no Tribunal de Setúbal   Sem dinheiro para satisfazer o vício...
- PUB -