10 Dezembro 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalSetúbalConcentração de protesto na Avenida Luísa Todi exige mais rendimentos e segurança...

Concentração de protesto na Avenida Luísa Todi exige mais rendimentos e segurança para trabalhadores

Amanhã a cidade de Setúbal vai estar com Lisboa e Porto numa manifestação pela valorização do trabalho.

- PUB -

 

A União dos Sindicatos de Setúbal (USS) tem agendada para amanhã, sábado, uma manifestação em Setúbal, com saída da Praça de Brasil e concentração na placa central da Avenida Luísa Todi, junto ao coreto.

Trata-se de um protesto marcado pela central sindical CGTP-IN, a nível nacional, ao qual a USS é afecta, com o objectivo de manter activa a luta pelo aumento de salários e discutir opção para o desenvolvimento do país.

- PUB -

“A Acção de Luta Nacional do dia 26 visa expressar a determinação dos trabalhadores para romper com o novo ciclo de incremento da exploração que o capital tem em desenvolvimento, e dar centralidade à valorização do trabalho como factor determinante para a melhoria das condições de vida e de trabalho e para o futuro do país”, lê-se na convocatória da CGTP-IN.

A manifestação vai decorrer em Lisboa, Porto e Setúbal, sendo que na cidade sadina a concentração será às 15h00.

“Neste período de pandemia os rendimentos de muitas entidades empregadoras têm sido positivos, e até progressivos, mas o mesmo não acontece com o rendimento dos trabalhadores. Portanto, há lugar ao aumento de salários”, afirma Luís Leitão, coordenador da USS, que acrescenta haver “luta nas empresas pela distribuição da riqueza”.

- PUB -

Como medida preventiva para evitar a propagação do vírus Covid-19, a concentração na Avenida Luísa Todi terá “controlo do número de pessoas e lugares marcados, com um distanciamento de dois metros entre cada pessoa em pé e uso obrigatório de máscara”, diz o sindicalista.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Militares da GNR raptados e agredidos na Costa da Caparica

Uma das vítimas sofreu ferimentos graves e está internada no Hospital Garcia de Orta. A PJ de Setúbal foi accionada e está a investigar o caso

Nova clínica da rede CUF abriu hoje portas no Montijo

Equipamento, construído de raiz, ocupa mais de 1 500 metros quadrados. Dá resposta a várias especialidades médicas e cirúrgicas

PSP apreende 8.500 petardos no Montijo

Autoridades informam que escola acusou o referido estabelecimento da venda de petardos a crianças
- PUB -