2 Outubro 2022, Domingo
- PUB -
InícioLocalSetúbalSETÚBAL: PSP deteve jovem por violência doméstica e homem por agressão a...

SETÚBAL: PSP deteve jovem por violência doméstica e homem por agressão a agente

Um jovem de 26 anos foi detido em Setúbal, na madrugada deste domingo, por suspeita de violência doméstica, anunciou hoje a PSP.

- PUB -

“Em Setúbal, pela 1h45, foi detido um indivíduo do sexo masculino, com 26 anos de idade, pelo crime de violência doméstica. O suspeito terá agredido fisicamente a sua companheira e abandonado a sua residência. Aquando da chegada dos elementos policiais, foi providenciado o respectivo apoio médico. Após abandonarem o local, o suspeito regressou, arrombando a porta da residência com a filha da vítima e uma amiga no interior”, revela a PSP em comunicado.

“A PSP interceptou o indivíduo que reagiu com violência e tentativas de agressão para com os agentes. Um dos elementos policiais acabou ferido e necessitou de assistência hospitalar. O suspeito foi detido no local e recolheu aos quartos de detenção”, explica a força de autoridade.

Outro detido por agressão a agente

- PUB -

Ainda em Setúbal, no mesmo dia, mas pelas 23h00, a PSP deteve um homem de 40 anos “por resistência e coacção sobre elemento policial”.

“Após notícia de excesso de ruído na via pública, uma patrulha da PSP deslocou-se ao local onde se encontravam várias dezenas de indivíduos junto a um estabelecimento de restauração. Ao se aperceberem da presença policial, alguns indivíduos tentaram, através de agressões físicas, dificultar a acção policial, injuriando e ameaçando os agentes. Um dos elementos policiais acabou por ser atingido com uma pancada no peito pelo suspeito, que acabou detido no local”, revelou a PSP.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -