3 Fevereiro 2023, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalSesimbraCiclo musical “Cezimbra Antíqua” faz viagem entre o Período Medieval e a...

Ciclo musical “Cezimbra Antíqua” faz viagem entre o Período Medieval e a Renascença

“Música Medieval versus Renascentista” dá o mote para mais uma edição da Cezimbra Antíqua, ciclo musical que tem como palco a Igreja de Nossa Senhora da Consolação do Castelo, em Sesimbra. Com entrada livre, este ano a iniciativa apresenta cinco concertos que traçam o percurso desde o Período Medieval até ao início da Renascença, “convidando a escutar uma missa medieval, cantigas de amigo, música trovadoresca e as primeiras obras musicais ao estilo contrapontístico típicas do Renascimento”.

- PUB -

No que diz respeito à programação, arranca no próximo dia 29, pelas 16h00, com o Coro Gregoriano de Lisboa e Luís Madureira, dirigidos por Armando Possante, numa recriação de uma missa medieval, com leitura de excertos do Sermão do padre António Vieira, a ter lugar na Igreja de Nossa Senhora da Consolação do Castelo. No dia seguinte, 30 de Outubro, no mesmo horário e no mesmo local, apresenta-se “De Todos los Bienes, llena Real Book de la España Tardo-Medieval”, com Ariel Abramovitch no alaúde e o tenor Jonatan Alvorado, a partir de obras de Dufay, Ockeghem, Busnoys, Ghizeghem, Enrique, Cornago, Urrede, Encina e outros.

Em Novembro acontecem mais três espetáculos que têm a “música antiga” como fio condutor. Começa com “Oscilare, Entre o Medieval e o Despertar da Renascença”, no dia 1, pelas 16h00, com Milles Regretz Ensemble, António Carrilho, na direcção e nas flautas, Suzana Silva Batoca, nas flautas, Hélder Rodrigues no sacabuxa, Helena Raposo, no alaúde e vihuela, e Duncan Fox, no violone.

A 5, pela mesma hora, a Igreja de Nossa Senhora da Consolação do Castelo recebe “Cantares à Maneira Medieval – Cantigas Galego Portuguesas dos Séculos XIII e XIV”. A palco sobem Vozes Alfonsinas, a meio-soprano Susana Conde Teixeira, os tenores João Pedro Sebastião e Sérgio Peixoto, o barítono Victor Gaspar, Madalena Cabral, no rabeque e na viola de arco, Nuno Torka Miranda, no alaúde, Pedro Sousa Silva com flautas de bisel e Gonçalo Pinto Gonçalves nas apresentações e Manuel Pedro Ferreira na direcção.

- PUB -

O ciclo termina a 16 de Novembro, domingo, às 16h00, com Codez Faenz – Uma Viagem a Dois pelo Século XV, por António Carrilho, nas flautas, e Maria Bailey, em harpa e voz.

Recorde-se que o evento Cezimbra Antíqua, produzido pela Academia de Música de Almada, insere-se “na programação regular de música erudita no concelho de Sesimbra”, já consolidada com a Temporada de Música da Casa de Ópera do Cabo Espichel, que, de acordo com o município, “ao longo de anos tem trazido a Sesimbra os maiores intérpretes deste género musical e já atrai um público regular e conhecedor, assim como proporciona a muitos um primeiro contacto com este estilo musical”.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.
- PUB -