30 Novembro 2021, Terça-feira
- PUB -
InícioLocalSesimbraCentro Comunitário da Quinta do Conde mantém-se dedicado à comunidade “como sempre”

Centro Comunitário da Quinta do Conde mantém-se dedicado à comunidade “como sempre”

Projectos em curso passam por Estrutura Residencial para Idosos e duas salas de creche

 

- PUB -

Desde Março do ano passado até agora, o Centro Comunitário da Quinta do Conde nunca parou. Neste início de ano, a instituição quintacondense faz um ponto de situação e fala sobre os projectos que quer abraçar em 2021, tendo sempre presente o seu lema “de pessoas para pessoas”. Em entrevista a O SETUBALENSE, João Valente, o seu presidente, refere que “o Centro Comunitário continuou a funcionar todos os dias. Nunca parou. Temos tido casos pontuais de acontecimentos de pessoas infectadas com Covid-19, felizmente muito pontuais e residuais” e garante: “estamos a viver um dia de cada vez, preparados. Continuamos a apoiar diariamente a nossa comunidade, da mesma maneira, como sempre e por isso mesmo até a nossa frota automóvel está a aumentar no sentido de locomoção leve”.

O centro adquiriu este mês mais uma viatura eléctrica. “Estamos neste momento a apostar muito neste tipo de locomoção, rápida, que permite um ambiente o mais limpo possível. É a nossa segunda viatura com estas características e expectamos ainda este ano passarmos para a terceira”, explica o presidente da instituição que tem como plano para o futuro a instalação de painéis fotovoltaicos que permitirão por sua vez “alimentar a frota de forma sustentável”.

“Se abríssemos amanhã, depois de amanhã estava cheio”

Desde o seu nascimento, em 1987, o Centro Comunitário tem como um dos seus objectivos a criação de uma Estrutura Residencial para Idosos (ERPI). Em 2021, lança o mote “Nascemos para ser um lar”, no seguimento de uma candidatura apresentada para este fim, estando um passo mais perto de realizar o sonho e de colmatar uma necessidade local. “Como costumamos dizer, se abríssemos amanhã, depois de amanhã estava cheio. É uma grande necessidade para a nossa comunidade aqui na Quinta do Conde e será uma construção de raíz que proporcionará o ingresso de 80 utentes em terreno que já temos, cedido pela autarquia”, conta João Valente. “A nossa candidatura foi submetida, tem o número 381900, e iremos publicar em breve nas nossas redes sociais um vídeo para que as pessoas possam ter ideia do projecto”, adianta, frisando que “neste momento, sabemos que foi submetida com este número e estamos a aguardar que durante este ano haja desenvolvimento e a desejar que a resposta por parte da tutela, da Segurança Social, seja efectivamente favorável”.

- PUB -

Entregue foi também uma candidatura ao programa PARES 2.0, que veio confirmar, em 17 de Dezembro do ano passado, o aumento de duas salas de creche, integradas no edifício sede já existente. “Esta candidatura, relacionada com a remodelação e ampliação do edifício sede da infância, foi aprovada, o que faz com que passemos a ter capacidade para 104 crianças em creche, mais do que duplicando assim a nossa capacidade para crianças até aos 3 anos. Actualmente temos 43”, constata. “Vamos pôr em funcionamento o nosso planeamento e já este ano encetar esforços no sentido da legalização de todo o processo de obras e restantes acções”, adianta, prevendo “que em meados de 2022, seja possível dar início à obra propriamente dita. A correr bem, esperamos que em Janeiro de 2023 possamos estar em condições de então receber estas crianças”, remata.

 

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -