17 Maio 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioLocalSeixal“Seixal, uma baía no coração do Tejo”

“Seixal, uma baía no coração do Tejo”

O lema faz justiça à localização e à oferta de experiências de um concelho que se afirma como alternativa a Lisboa

 

- PUB -

O rio moldou a paisagem do concelho do Seixal e marcou, desde sempre, a vivência das populações e das suas actividades económicas.

Com uma ampla frente ribeirinha requalificada e com um património histórico e natural, mas também com uma forte promoção das actividades e serviços náuticos, de eventos desportivos e culturais, e com uma oferta gastronómica diversificada e de qualidade, o Seixal é o destino perfeito para visitar e usufruir, possuidor de uma oferta diferenciadora em relação à capital, Lisboa.

«Seixal, Uma Baía no Coração do Tejo» é o lema do concelho que enaltece as potencialidades e a beleza da nossa «praça central» com cerca de 500 hectares, integrada no estuário do Tejo.

- PUB -

São várias as intervenções já efectuadas e os projectos que valorizam esta riqueza natural e que potenciam o seu usufruto nas áreas do lazer, do desporto, da cultura e da actividade económica. Em curso, está a Estação de Serviço de Autocaravanas na Avenida MUD Juvenil, no Seixal.

Com 20 lugares de parqueamento, esta intervenção, além de requalificar esta zona, oferece aos auto-caravanistas óptimas condições para aparcar, visto que o equipamento terá abastecimento de água, energia eléctrica, saneamento, deposição de resíduos, zona de merendas, entre outras comodidades.

Na área da hotelaria, está a nascer, na zona ribeirinha do Seixal, o Hotel Mundet, um empreendimento turístico de 4 estrelas que terá em conta a memória do espaço fabril ligado à cortiça, com mais de 90 alojamentos, estacionamento subterrâneo, business center, spa e health club, piscina e bar na cobertura.

- PUB -

Outro projecto de alojamento, que será inaugurado no mês de maiô, no núcleo histórico do Seixal, é o Hostel Kais do Sol, com oito quartos e cozinha comunitária e uma localização privilegiada junto à zona ribeirinha, onde há inúmeras ofertas de actividades náuticas, de lazer e também de restauração.

Em desenvolvimento está o projecto do espaço de restauração no antigo terminal fluvial do Seixal, com um edifício alusivo a uma embarcação, e que será um local com várias opções de restauração, varandas exteriores e terraço com uma vista privilegiada para a Baía.

Está também em desenvolvimento a Estação Náutica da Baía do Seixal que oferece um conjunto de serviços aos nautas visitantes e locais. Integrado no projecto de valorização da Baía do Seixal, este equipamento dinamiza a náutica de recreio, permitindo o usufruto do cais de acostagem, fundeadouro, rampa e grua de alagem, entre outros serviços relacionados com a actividade.

Neste âmbito, é importante salientar também que está já concluída a obra do Centro Náutico de Amora, localizado na zona ribeirinha daquela freguesia, que será inaugurada dia 8 de Maio, às 11 horas.

Esta é uma estrutura modular composta por dois hangares e que vai servir o Clube de Canoagem de Amora e a Associação Naval Amorense de modo que possam desenvolver, com melhores condições, a actividade da canoagem.

A par do investimento nos espaços públicos e equipamentos, o concelho do Seixal tem também uma forte dinâmica associativa e desportiva, como são exemplos a Seixalíada, os Jogos do Seixal, o Troféu de Atletismo do Seixal, entre muitas outras iniciativas que contam com a participação de centenas de atletas em cada edição.

Além das duas embarcações tradicionais do Tejo dos séculos XIX e XX – o bote de fragata Baía do Seixal e o varino Amoroso – que convidam a agradáveis e relaxantes passeios no Tejo, desfrutando de uma envolvente paisagística ímpar, no concelho do Seixal os visitantes podem encontrar a Quinta da Fidalga, que integra, além dos lindos jardins, a Oficina de Artes Manuel Cargaleiro e o Centro Internacional de Medalha Contemporânea; também o Parque Urbano do Seixal; o Moinho de Maré de Corroios (classificado como Imóvel de Interesse Público); os vários núcleos do Ecomuseu Municipal do Seixal; ou o Fórum Cultural do Seixal, entre muitos outros espaços públicos e equipamentos que são verdadeiros convites para o lazer, para usufruir da imensa e qualificada actividade cultural do concelho e para viajar na história e conhecer mais sobre a população, o território e as tradições do Seixal.

O concelho tem cultura o ano inteiro, em todas as freguesias, nos espaços públicos, nos equipamentos municipais e nas salas das colectividades.

O Festival de Teatro, o Seixal World Music, o Março Jovem, o Festival Desconcentra, com espectáculos ao ar livre, o Verão no Parque, o Festival do Maio, o Festival de Street Art, os espectáculos comemorativos do 25 de Abril e da passagem de ano ou o SeixalJazz são alguns dos exemplos de uma dinâmica cultural impulsionada pela Câmara Municipal do Seixal e pelo movimento associativo que permite à população do Seixal e aos milhares de pessoas que nos visitam usufruir de teatro, música, dança, pintura, entre muitas outras expressões artísticas.

O Seixal tem a paisagem, a dinâmica e as condições ideais para ser um destino de excelência na Área Metropolitana de Lisboa.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -