29 Janeiro 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalSeixalCandidatos da CDU ao Seixal avançam para as autárquicas “com confiança e...

Candidatos da CDU ao Seixal avançam para as autárquicas “com confiança e de cabeça erguida”

Desejo passa por reconquistar a maioria absoluta, perdida em 2017. É necessário eleger os primeiros seis vereadores da lista

 

- PUB -

A CDU apresentou, na tarde de sábado, Alfredo Monteiro e Joaquim Santos como candidatos à Assembleia Municipal e à Câmara Municipal do Seixal, respectivamente.

A partir da Quinta do Mirante, em pleno coração de Paio Pires, os cabeças-de-lista prometerem avançar para as eleições autárquicas “com confiança e alegria, de cabeça erguida”.

Entre as diferentes intervenções, uma ideia em comum sobressaiu: a CDU procura reconquistar a maioria absoluta na autarquia seixalense, perdida nas autárquicas de 2017.

- PUB -

Para o efeito, vai ter de eleger, pelo menos, os primeiros seis vereadores da lista, sendo eles Joaquim Santos, actual presidente do município, Paulo Silva, advogado, Maria João Macau, técnica da administração local, Joaquim Tavares, empresário, Bruno Santos, escriturário, e Liliana Cunha, técnica superior.

No mandato que agora termina, começou por afirmar Alfredo Monteiro, a CDU “soube prestar um serviço democrático sério à população e encontrar propostas que conduzissem ao desenvolvimento do concelho”.

- PUB -

“Foi promotora de um desenvolvimento qualificado”, frisou o cabeça-de-lista à Assembleia Municipal, ao desenvolver inúmeras intervenções, como “a requalificação das zonas ribeirinhas, o melhoramento dos índices ambientais e a restauração e construção de escolas e centros de saúde”.

Joaquim Santos garante que “CDU tem provas dadas”

Já Joaquim Santos, na sua subida à tribuna, garantiu que a “CDU tem provas dadas”, pelo que é apoiada por “muitos homens, mulheres e jovens” que confiam numa “política da verdade, numa sociedade de valores, bem-estar e felicidade”.

No entendimento do actual presidente da edilidade, os “trabalhadores das autarquias são fundamentais, pois sem eles o projecto da CDU não seria o que é hoje”.

Foi este o motivo que levou a Câmara Municipal a “investir em mais e melhores equipamentos, bem como na sua requalificação profissional”. “Apostámos nas 35 horas de trabalho semanal e ganhámos. Centenas [de trabalhadores] viram os seus salários aumentados”, acrescentou.

Sobre o sector empresarial, Joaquim Santos explicou que “são cada vez mais as empresas que procuram o concelho para se instalarem”, como são “cada vez mais as instituições que olham para o Seixal como uma terra de oportunidades”.

Também o Hospital do Seixal fez parte do discurso do recandidato à autarquia. “Os governos do PSD e do PS não conseguiram sequer concluir o projecto de construção, mas nós seremos capazes de fazê-lo”, defendeu.

“Temos um passado que nos orgulha, um presente de grandes conquistas e um futuro pleno de ambição. Estamos numa das grandes batalhas das nossas vidas”, rematou Joaquim Santos.

Em seguida, Rui Braga, do secretariado do Comité Central do PCP, defendeu o “rompimento com a submissão à União Europeia” e a prática de “outra política que dê solução aos problemas dos jovens, como o desemprego, a precariedade e a pobreza”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Homem mata mulher a tiro de caçadeira e suicida-se em Azeitão

Crime ocorreu hoje, pelas 11 horas, nas vinhas da herdade do Hotel Club D'Azeitão, unidade hoteleira onde o casal trabalhava como caseiro
- PUB -