17 Outubro 2021, Domingo
- PUB -
Início Local Seixal “Avarias inesperadas” nos navios da Transtejo causam perturbações

“Avarias inesperadas” nos navios da Transtejo causam perturbações

“Avarias inesperadas” em dois barcos da Transtejo, que operam nas ligações Seixal-Lisboa e Montijo-Lisboa, causaram hoje de manhã perturbações na circulação entre as duas margens do Rio Tejo.

“Durante a hora de ponta da manhã, atendendo a avarias inesperadas em dois navios da frota da Transtejo, que operam nas ligações Seixal-Lisboa e Montijo-Lisboa, só operou um navio em cada uma das ligações, o que originou as supressões ocorridas”, segundo uma fonte oficial da empresa, em comunicado.

- PUB -

Acrescentando que “apesar de este ano já terem sido intervencionados mais navios até Setembro do que nos últimos anos, não existem, ainda, navios de reserva em número suficiente para fazer face a todas as situações inesperadas”.

A ligação ao Montijo já se encontra regularizada, no entanto a Transtejo está a desenvolver “os procedimentos necessários” para reparar a embarcação que faz a ligação do Seixal, com a maior brevidade possível, prevendo-se que a regularidade desta ligação seja reposta ao início da tarde de amanhã.

No Montijo, as supressões levaram a empresa a solicitar a presença da Polícia Marítima no local, depois de alguns passageiros terem originado protestos e terem forçado a entrada no navio, ultrapassado a sua lotação máxima.

- PUB -
- PUB -
[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Geringonça dá Assembleia Municipal do Montijo ao PSD

Apesar de vencer nas autárquicas, PS vai perder presidência no órgão. CDU tem compromisso com os social-democratas. Se não houver recuo, Ana Dias Neves...

Construção de duas novas fábricas da Repsol é maior investimento dos últimos dez anos no país

Empresa quer tornar Complexo de Sines num dos mais avançados e competitivos da Europa

Fernando Negrão acusa administração do Centro Hospitalar de “incompetência” e defende demissão

Vereador social-democrata afirma que membros do órgão de gestão “estão cegos” e pede a sua substituição “por gente competente”   Fernando Negrão, vereador da Câmara Municipal...
- PUB -