23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Renovação total do parque escolar arranca com 7,7M€ do PRR para a Escola de Santo António

Renovação total do parque escolar arranca com 7,7M€ do PRR para a Escola de Santo António

Renovação total do parque escolar arranca com 7,7M€ do PRR para a Escola de Santo António

Candidatura do município recebeu ”luz verde” da tutela. Projectos para remodelar todas as escolas do concelho em curso. Plano para uma década

 

O plano está em marcha e com um horizonte bem definido: “Gostaríamos de ter, no espaço de uma década, o parque escolar todo renovado”, assume Frederico Rosa, presidente da Câmara do Barreiro, depois de ter visto aprovado um financiamento ao abrigo do PRR para a remodelação total da Escola Secundária de Santo António no valor de 7 milhões 786 mil e 450 euros.

- PUB -

“Este é um extraordinário tiro de partida, com aquela que, possivelmente, vai ser a maior obra pública de sempre nesta freguesia”, diz o autarca, ao mesmo tempo que revela que o município está a avançar com “projectos de reabilitação total” para todas as escolas. “Umas vamos tentar enquadrar ao abrigo de financiamento do PRR, como a Escola de Santo António, outras ao abrigo do PT 2030. As que não conseguirmos candidatar, ficamos já com o projecto de execução feito e a Câmara depois, dentro do seu orçamento, tomará a decisão política de as ir reabilitando”, afirma, para reforçar de seguida: “Sempre que houver candidaturas a financiamentos abertas, o Barreiro vai estar pronto, como estivemos para os Centros de Saúde.”

A captação do avultado apoio comunitário para a remodelação da Escola de Santo António permite ao município avançar para a próxima etapa. “Possivelmente vamos ter de fazer revisão de projecto, que é condição impreterível para lançar o concurso público. Até ao final do Verão queremos ter o concurso público lançado para começarmos a planear o início das obras”, perspectiva Frederico Rosa. É que a intervenção poderá não obrigar a uma pausa do funcionamento da escola, mas implicará sempre “reajustamentos” e há que “acautelar” as melhores alternativas e condições para os alunos. “Pelo histórico que temos, por exemplo, muitas vezes o edifício escolar que está em obra é substituído temporariamente por salas contentorizadas”, lembra.

Na calha está já a apresentação de novas candidaturas para a recuperação total de outras três escolas. “Vamos candidatar até ao final de Abril, que é até quando o período de candidaturas ao PRR está aberto, os estabelecimentos Alfredo da Silva, da Quinta Nova da Telha e Augusto Cabrita. Entregues essas candidaturas vamos partir para os projectos das próximas escolas: Casquilhos e Álvaro Velho.” Projectos que, faz notar o edil, representam um investimento de peso para o município, já que ascendem a “várias centenas de milhares de euros”.

- PUB -

“Só é possível estarmos com tudo isto em ‘cima da mesa’, porque todos os técnicos da autarquia, das diversas áreas, têm sido extraordinários e dedicados, porque percebem o impacto que estes investimentos têm para a cidade”, realça.

O presidente da autarquia diz ainda que a aprovação do apoio para a Escola de Santo António reveste-se de uma outra particularidade, que considera importante. “Veio dar uma luzinha de esperança a toda a comunidade educativa, uma luzinha de que, afinal, este caminho vai ser mesmo trilhado. Coloca a comunidade educativa com esperança de que vai chegar a vez de todas as escolas. E vai mesmo”, garante Frederico Rosa, a concluir.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -