29 Setembro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalPalmelaEstrelas gigantes animam Natal em todas as freguesias do concelho

Estrelas gigantes animam Natal em todas as freguesias do concelho

Estrelas de Natal com seis metros de altura são uma das principais iniciativas com que a Câmara Municipal de Palmela decidiu celebrar a quadra festiva no concelho, já a partir da próxima segunda-feira e até 6 de Janeiro (Dia de Reis).

- PUB -

O programa “Viva o Natal” está de volta para “devolver o brilho, a esperança e a animação próprias desta época”, salienta a autarquia. “Este ano, destacam-se as enormes estrelas de Natal, com seis metros de altura, presentes em todas as freguesias – o local ideal para tirar uma ‘selfie’ com a família e fazer votos de Boas Festas”, revela.

Entre as acções programadas para a vila de Palmela, merecem ainda destaque da parte do município “o presépio e as figuras etnográficas que relembram as gentes e ofícios presentes no quotidiano do centro histórico, no século passado”. Mas também “o Mercado de Natal, no Largo de S. João, com artesanato, doçaria e muitos presentes originais para oferecer a amigos e familiares”. Neste mercado, adianta a edilidade, os visitantes vão poder ainda “aprender a confeccionar iguarias deliciosas”, “assistir a espectáculos musicais e a animações infantis”.

As animações, de resto, vão também ter lugar nos mercados municipais, para os quais estão previstas “actuações de grupos locais e a visita do Pai Natal”. O programa completo só será desvendado “em breve”, mas já certo é que o encerramento será feito “com um concerto lírico na Igreja de Santiago, no Castelo de Palmela”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Autoeuropa com legionella não pára produção nem avisa trabalhadores

Empresa diz que nenhuma pessoa foi infectada e que está a cumprir a lei

“Reunião” dos bombeiros acaba à chapada e ao pontapé com a PSP a ser chamada ao quartel [corrigida]

Demissões na direcção culminaram com agressões físicas entre bombeiros, entre directores, e entre bombeiros e dirigentes
- PUB -