26 Outubro 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Local Palmela André Cabica: “A Festa das Vindimas é a festa das pessoas”

André Cabica: “A Festa das Vindimas é a festa das pessoas”

Presidente da Associação das Festas de Palmela mostra vontade da organização de abrir os festejos à população

 

- PUB -

André Cabica, presidente da direcção da Associação das Festas de Palmela – Festa das Vindimas, diz que honrar a tradição do certame é a maior preocupação para a edição que arranca esta quinta-feira

O que significa o regresso da Festa das Vindimas, depois da “paragem” do ano passado?

No ano passado não estivemos totalmente ausentes. Apesar de tudo o que vivemos, e que ainda não está ultrapassado, tentamos honrar a tradição da Festa das Vindimas. Esse é o nosso maior compromisso e a nossa maior responsabilidade. Em 2020 fizemos algo de uma forma muito minimalista, com eventos pouco expressivos a nível de participação de pessoas. Neste ano, tentamos fazer algo um bocadinho diferente para que, de alguma forma, pudéssemos receber mais pessoas e para tentarmos também, aos poucos, aproximarmo-nos do que tradicionalmente acontecia na Festa das Vindimas.

- PUB -

O foco passou a ser de novo a população?

A Festa das Vindimas é a festa das pessoas. É um evento que homenageia quem faz a apanha da uva e a produção do vinho.  Tudo o que fazemos é para que possamos receber, sempre, muita gente. O formato deste ano ainda não será nesse modelo, mas já nos estamos a tentar encaminhar para o que se conhece habitualmente.

Qual é a importância para o concelho de Palmela?

- PUB -

Esta é a festa mais representativa do concelho, sem desprimor para as outras. Temos a responsabilidade de fazer cumprir a tradição e de pôr em prática aquilo que está implícito às Festas das Vindimas.

Tendo em conta o contexto actual e todas as mudanças previstas, quais são as expectativas para este ano?

Honrar o compromisso e a tradição, que não queremos deixar cair em esquecimento. Com todas as actividades que promovemos e desenvolvemos conseguimos dar a mão a quem tem sofrido com a pandemia, sendo isso também um bocadinho nossa responsabilidade… Poder, junto daqueles que são nossos parceiros directos, dar oportunidade de mostrarem o seu trabalho. Isso é importantíssimo e fundamental.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Leonor Amado foi encontrada viva hoje de manhã caída num penhasco em Palmela

A idossa foi socorrida pelos Bombeiros de Palmela, tendo sido levada para os Hospital de S. Bernardo, em Setúbal, de onde teve alta ainda hoje cerca das 20h00

Última Hora: Vitória aprova venda de 89% da SAD a investidor

Última Hora: Vitória aprova venda de 89% da SAD a investidor

Superpolícias da esquadra do Montijo sagram-se campeões europeus de jiu-jitsu

Ouro de José Peres e João Pavia soma a méritos profissionais: um já salvou uma vida humana; o outro efectou detenções fora de serviço
- PUB -