26 Setembro 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalMontijoCorrida das tertúlias marca fecho de temporada na praça montijense

Corrida das tertúlias marca fecho de temporada na praça montijense

Antes realiza-se o 3.º Convívio das Tertúlias Montijenses no Parque de Exposições Acácio Dores

 

- PUB -

A temporada tauromáquica na Monumental Amadeu Augusto dos Santos encerra já amanhã com a realização da VII Corrida de Toiros das Tertúlias Montijenses (22h00), que servirá para prestar homenagem póstuma a José Manuel Figueiredo, antigo cabo dos Forcados Amadores do Montijo.

Em praça vão apresentar-se, no toureio a cavalo, Sónia Matias, Gilberto Filipe, Filipe Gonçalves, João Moura Caetano, Manuel Telles Caetano e Emiliano Gamero. O espectáculo tem como um dos principais atractivos o concurso de ganadarias, com seis imponentes toiros oriundos de outros tantos criadores: Herdade Camarate; Paulo Caetano, Herdade Varela Crujo, São Marcos, Voltalegre e Adriano Ferreira.

Para enfrentar a bravura do curro “sobem” à arena três grupos de forcados amadores – dois actuam “em casa” e medem forças com outro grupo igualmente bem conhecido do panorama taurino. A arte e valentia na execução das pegas vão estar a cargo dos grupos de Santarém, Tertúlia Tauromáquica do Montijo e Amadores do Montijo.

- PUB -

À margem do espectáculo, mas no mesmo dia, tem lugar no Parque de Exposições Acácio Dores o 3.º Convívio das Tertúlias Montijenses. A abertura das portas está marcada para as 11 horas, seguindo-se um almoço entre os elementos das tertúlias e actuações das sevilhanas “Rocieras” de Alcochete (15h30) e Nélio Pinto (17h00). O programa, de entrada livre, engloba ainda um espaço de comes e bebes, com porco no espeto (19h00).

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Reunião” dos bombeiros acaba à chapada e ao pontapé com a PSP a ser chamada ao quartel [corrigida]

Demissões na direcção culminaram com agressões físicas entre bombeiros, entre directores, e entre bombeiros e dirigentes

Autoeuropa com legionella não pára produção nem avisa trabalhadores

Empresa diz que nenhuma pessoa foi infectada e que está a cumprir a lei

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos
- PUB -