1 Outubro 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalBarreiroCentro Hospitalar Barreiro Montijo lança apelo aos utentes

Centro Hospitalar Barreiro Montijo lança apelo aos utentes

Cinco profissionais de saúde deram a cara pela iniciativa, que alerta para o uso correcto dos recursos existentes no Serviço Nacional de Saúde

 

- PUB -

O Centro Hospitalar Barreiro Montijo lançou, na passada segunda-feira, uma campanha de sensibilização que visa evitar sobrecargas de atendimento nos serviços de urgência durante esta estação do ano.

“Neste Inverno, o Centro Hospitalar Barreiro Montijo (CHBM) volta a sensibilizar os utentes para utilizarem criteriosamente os serviços de urgência, através de um cartaz que relembra o que fazer nas situações de doença”, anunciou o CHBM, que contou com “a colaboração de cinco profissionais” daquela unidade hospitalar no lançamento da iniciativa.

Elvira Camacho, pneumologista, Rui Serra, enfermeiro, Ana Filipa Cunha, técnica superior de diagnóstico e terapêutica, Francisca Saraiva, assistente técnica, e Pedro Ramos, assistente operacional, deram a “cara” pela campanha, que tem como mote “Neste Inverno proteja-se”.

- PUB -

A iniciativa, reforça o CHBM, tem o objectivo de “sensibilizar os utentes para o uso correcto dos recursos existentes no Serviço Nacional de Saúde, esclarecendo que, antes de recorrer aos serviços de urgência do centro hospitalar, os utentes devem contactar o SNS 24 (808 24 24 24) ou dirigir-se ao seu centro de saúde”. Isto porque “as urgências hospitalares são vocacionadas para o atendimento de situações urgentes e emergentes”, justifica o CHBM.

Ao mesmo tempo, a unidade hospitalar sublinha aquelas que são “as cinco regras fundamentais para controlar a pandemia covid-19: “manter a distância de segurança; usar a máscara; higienizar regularmente as mãos; realizar periodicamente o teste; e vacinar-se.”

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -