1 Dezembro 2021, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalMontijoTeatro Quadrilha sobe amanhã ao palco do Joaquim d' Almeida

Teatro Quadrilha sobe amanhã ao palco do Joaquim d’ Almeida

O Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida recebe amanhã, a partir das 16h20, um espectáculo cénico da companhia Teatro Quadrilha.

- PUB -

A peça intitula-se “O lugar de todas as histórias” e é dirigida a todas as idades. As entradas “são gratuitas mediante reserva”, indica a Câmara Municipal do Montijo, que apoia a realização do evento.

“O Teatro Quadrilha é o resultado da visão de um grupo diversificado de artistas, com experiências individuais muito diferentes, mas com um objectivo comum: desenvolver trabalhos de âmbito social, cultural e pedagógico”, revela a autarquia, sobre a companhia que “actua em diversas áreas”. Ainda segundono município, a companhia teatral cria “espectáculos para temas específicos, complementados com o desenvolvimento de ateliers, oficinas e workshops de teatro, cinema e de artes plásticas”.

A edilidade lembra que, face ao actual contexto pandémico, “os espectáculos são promovidos no cumprimento de todas as normas emitidas pela Direcção-Geral da Saúde”. Assim, é “obrigatório o uso de máscara”, sendo que a lotação do auditório é “reduzida para 50%”. Os lugres são ocupados de forma intercalada.

- PUB -
- PUB -
[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -