16 Abril 2024, Terça-feira
- PUB -
InícioLocalMontijoTeatro de Marionetas do Porto sobe ao palco para dar “lições de...

Teatro de Marionetas do Porto sobe ao palco para dar “lições de voo” gratuitas

No próximo fim-de-semana será a vez da companhia Mascarenhas-Martins servir pargo com seis meses

 

- PUB -

“Lições de voo” é o nome do espectáculo, promovido pela Artemrede, que a companhia Teatro de Marionetas do Porto apresenta já amanhã, 19, a partir das 16h30, no Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida, no Montijo.

Com duração de 45 minutos e dirigido a um público maior de três anos, o espectáculo tem entrada gratuita. Trata-se de uma “criação sobre a poética do ar, dos sonhos e do voo, num lugar especial onde cada um pode experimentar a leveza do corpo, a suspensão e a emoção de descolagem”, resume a Câmara Municipal do Montijo, entidade que apoia a realização do espectáculo.

Cp-produzido pelo Teatro de Marionetas do Porto e pelo Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery, “Lições de voo” reproduz o nome “de uma série de ilustrações de João Vaz de Carvalho, usadas para a criação do espectáculo”. Esta ideia, explica a autarquia montijense, “dá sequência a uma experiência de colaboração realizada em 2013 em ‘Pelos Cabelos’, a qual se revelou muito estimulante”.

- PUB -

“Lições de voo” decorre num “Tempo que mostra que também pode ser um lugar, um lugar cheio de encanto onde as histórias viajam, de lá para cá e de cá para lá”. O que levanta algumas questões ao público mais jovem: “Será que estes lugares existem? Será que querem que eles existam?” As respostas são fáceis, já que só dependem de quem assiste à peça, dos seus sonhos e da sua imaginação”

O município montijense lembra que para assistir ao espectáculo, de acordo com as orientações da Direcção-Geral da Saúde, “é obrigatório o uso de máscara de protecção e o respeito pelo distanciamento social”. A lotação do auditório do Cinema Teatro “foi reduzida para 50%” e a atribuição de bilhetes tem em conta “lugares intercalados”, indica o município, a concluir.

Três dias para encher a barriga de pargo

A programação desta nova temporada do Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida (CTJA) – que arrancou no passado sábado com o espectáculo O2, da companhia PIA, em plena Praça da República – já tem em agenda uma outra criação, que estará em cena de 25 a 27 deste mês.

- PUB -

A companhia residente no CTJA, Mascarenhas-Martins, volta a apresentar a produção “Há dois anos que não como pargo”. Na sexta-feira e no sábado, 25 e 26, o espectáculo – com a duração de duas horas – tem início marcado para as 21h30; no domingo, 27, a sessão tem início às 16h30.

“O nosso pargo esteve exposto brevemente no CTJA – apenas dia 12 de Março – antes do grande dilúvio. Podia ter feito como os ursos, mas preferiu repousar sobre o gelo, de olhos vivos, esperando o regresso da clientela. Depois, como peixe desavergonhado que aparenta ser, chamou os fregueses e disse que era fresco na XXII Festa do Teatro/Festival Internacional de Teatro de Setúbal, a 25 de Agosto. Agora, já não são só os gatos que têm sete vidas”, salienta a companhia.

Com texto de Miguel Branco, a produção apresenta como intérpretes André Alves, Inês Dias, João Jacinto, Levi Martins, Miguel Branco e Pedro Nunes. A encenação e produção é da responsabilidade de Levi Martins. Os bilhetes têm um custo de 5 euros e 7,5 euros.

- PUB -

Mais populares

José Mourinho: “Dá-me prazer que as pessoas conheçam as minhas origens”

Técnico sadino em Setúbal para gravar com a Adidas e “mostrar ao mundo” a cidade onde nasceu e cresceu

Lisnave distribui mais de três milhões de euros pelos trabalhadores

Prémio é justificado com resultado obtido no ano passado, descrito o "melhor desempenho de sempre"

Sistema Navegante indisponível no fim-de-semana mas transportes circulam normalmente

Falha é devido a uma “pausa temporária para actualizações com vista à simplificação e implementação de melhorias de performance”
- PUB -