23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Mulher que em 2020 matou filho no concelho da Moita condenada a 16 anos de prisão

Mulher que em 2020 matou filho no concelho da Moita condenada a 16 anos de prisão

Mulher que em 2020 matou filho no concelho da Moita condenada a 16 anos de prisão

Factos ocorreram na noite de 20 de Dezembro de 2022, no Vale da Amoreira

 

O Juízo Central Criminal de Almada condenou a 16 anos de prisão uma mulher que em 2020 matou o filho na sequência de uma discussão, no Vale da Amoreira, no concelho da Moita.

- PUB -

Segundo uma nota esta sexta-feira divulgada na página da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, a mulher de 52 anos foi condenada, por acórdão proferido em 10 de Janeiro, pela prática de um crime de homicídio qualificado.

Os factos ocorreram na noite de 20 de Dezembro de 2022, no Vale da Amoreira, no concelho da Moita, na residência que a arguida e a vítima, seu filho, partilhavam.

O tribunal deu como provado que a arguida, que mantinha um relacionamento com o filho pautado por conflitos, desferiu vários golpes com uma faca de cozinha no corpo da vítima.

- PUB -

As lesões sofridas determinaram a morte do jovem, de 20 anos.

A arguida aguardará os ulteriores termos do processo em prisão preventiva, medida de coacção à qual se encontra sujeita desde Dezembro de 2022.

O inquérito foi dirigido pelo Ministério Público do Seixal, com a coadjuvação da Polícia Judiciária.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -