7 Dezembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaNova agência da Caixa Agrícola como motor do desenvolvimento sustentável

Nova agência da Caixa Agrícola como motor do desenvolvimento sustentável

Novo espaço na Moita pretende proporcionar condições de atendimento “ajustadas à nova realidade do negócio bancário”

 

- PUB -

A Caixa Agrícola de Entre Tejo e Sado inaugurou a sua nova Agência da Moita, na praça da República, junto à Câmara Municipal da Moita. A sua imagem e o espaço foram renovados, tendo como objectivo proporcionar condições de atendimento “ajustadas à nova realidade do negócio bancário” e de “melhoria contínua da experiência do cliente do Crédito Agrícola”.

A cerimónia foi aberta por Júlio Pires, dando conta que o investimento de modernização da Agência representa um firme compromisso do Crédito Agrícola em continuar a servir a comunidade da Moita, ambicionando que a Caixa Agrícola seja reconhecida como um “motor do desenvolvimento sustentável da região de Entre Tejo e Sado”.

Na inauguração, que ocorreu no passado dia 28 de Outubro de 2022, estiveram presentes os presidentes dos Órgãos Sociais da Caixa Agrícola, nomeadamente, António Maduro, presidente da Mesa da Assembleia Geral, Maria Amélia Antunes, presidente do Conselho Fiscal, e Pedro Cortegaça Costa, presidente do Conselho Consultivo.

- PUB -

Descerrada a placa de inauguração da Agência, António Maduro destacou a presença do Crédito Agrícola na região, a qual perdura há mais de 100 anos, contribuindo para o “desenvolvimento sustentável dos 8 concelhos que constituem a área social da Caixa Agrícola”.

Carlos Albino, Presidente da Câmara Municipal da Moita, deu conta dos investimentos em equipamentos públicos que estão em curso e projectados no concelho, garantindo que os mesmos contribuirão para melhorar a “qualidade de vida dos moitenses e aumentar a atractividade do concelho”.

Também Maria Amélia Antunes, presidente do Conselho Fiscal, valorizou a natureza “cooperativa e mutualista” da Caixa Agrícola, afirmando que a mesma tem contribuído para o “progresso das famílias e empresas locais”.

- PUB -

Já Pedro Cortegaça Costa louvou a iniciativa de modernização da agência, congratulando-se pelo seu longo envolvimento na missão do Crédito Agrícola de contribuir para o “progresso das comunidades locais”.

A cerimónia contou ainda com a presença de Sara Silva, Vice-Presidente da Câmara Municipal da Moita, respectivamente, bem como do presidente da Junta de Freguesia da Moita e de representantes das juntas de freguesia locais.

A Caixa Agrícola fez-se representar pelo seu Conselho de Administração, pelo representante do concelho da Moita no Conselho Consultivo, António Lopes Mouro, por vários Coordenadores de Área e pelos Colaboradores da Agência, Fernando Pires e Cristina Ribeiro, enquanto a Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo fez-se representar por Nuno Abrunhosa de Brito.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Militares da GNR raptados e agredidos na Costa da Caparica

Uma das vítimas sofreu ferimentos graves e está internada no Hospital Garcia de Orta. A PJ de Setúbal foi accionada e está a investigar o caso

Homem morre em confrontos num café na Avenida Bento de Jesus Caraça

Causa da morte não é clara. PJ está a investigar

Nova clínica da rede CUF abriu hoje portas no Montijo

Equipamento, construído de raiz, ocupa mais de 1 500 metros quadrados. Dá resposta a várias especialidades médicas e cirúrgicas
- PUB -