3 Fevereiro 2023, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaCentro de recolha de animais errantes já tem novo projecto

Centro de recolha de animais errantes já tem novo projecto

Futuro espaço foi alvo de alterações pelo actual executivo e está orçado em cerca de 749 mil euros

 

- PUB -

O executivo moitense aprovou, na última reunião do executivo, o novo projecto do CROAE – Centro de Recolha Oficial de Animais Errantes da Moita e a abertura do procedimento por concurso público, para construção do respectivo equipamento por um valor de cerca de 749 mil euros.

Recorde-se que o concurso do projecto inicial foi lançado em Julho do ano passado, pelo anterior executivo, liderado pelo então presidente Rui Garcia, por um valor que ascendia a 780 mil euros e que acabou por ficar deserto. O projecto em causa acabou por ser reformulado pelos técnicos camarários, que “imprimiram ao futuro equipamento alterações ao nível dos materiais utilizados”, informou a autarquia, bem como métodos e soluções de construção, além de mudanças na zona de infra-estruturas e aumento das áreas de boxes.

De acordo com a câmara, além de se perspectivar uma poupança superior a 31 mil euros, relativamente ao projecto inicial, o espaço actualmente projectado duplica a capacidade de acolhimento de canídeos, que no início contemplava a criação de apenas vinte boxes para cães.

- PUB -

O projecto em causa prevê a construção de cinco edifícios, o primeiro dos quais com funções administrativas, que será composto pela recepção, gabinete do médico veterinário, com sala de tratamento, enfermaria, sala de esterilização e instalações sanitárias de apoio aos gabinetes e visitantes, com a valência de acessibilidade a pessoas com mobilidade condicionada.

Já o segundo espaço vai acolher funções operacionais e será composto por dois gatis orientados e uma área destinada aos funcionários que ali exercerem a sua actividade, com balneários, instalações sanitárias e uma zona de refeições. O terceiro espaço, por sua vez, acolherá duas boxes para quarentena, duas de transição de animais recentemente capturados e zonas de armazenamento.

Por último, o quarto e quinto edifícios estarão prontos a acolher 20 boxes para cães, cada uma com os respectivos ‘playgrounds’, com uma zona de recreio comum a todos os animais e um espaço exterior, junto à entrada do futuro equipamento, com um pequeno parque de estacionamento.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.
- PUB -