20 Agosto 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalMoitaCDU da Moita reconhece “falhas, como deve acontecer com quem faz”

CDU da Moita reconhece “falhas, como deve acontecer com quem faz”

Coligação garante que concelho pode continuar a contar com o seu trabalho

 

- PUB -

A CDU da Moita emitiu esta semana um comunicado acerca dos resultados eleitorais das autárquicas do último domingo no concelho, onde realça que, “se é verdade que em democracia se ganham e perdem eleições, também é verdade que a democracia não se esgota num acto eleitoral”. Apesar da vitória do PS e da eleição de Carlos Albino para presidir à Câmara Municipal – recorde-se que o partido também venceu em todas as Uniões e Juntas de Freguesia –, a coligação garante que a Moita “pode continuar a contar com a CDU enquanto projecto colectivo que sempre se bateu pela defesa da população e da sua qualidade de vida”.

“Nunca faltámos ao trabalho em conjunto com as forças vivas do concelho, do desporto à cultura e à Acção Social, como ficou bem patente durante a pandemia”, exemplificam, a par da “luta diária por mais e melhores serviços na saúde, segurança social, nos transportes ou na excepcional rede de bibliotecas”. E acrescentam: “Reconhecemos as nossas falhas, como deve acontecer com quem faz, mas esta campanha demostrou também uma mobilização e um empenho de muitas centenas de activistas e candidatos que se reuniram em redor do nosso projecto colectivo”, que classificam ter sido de “trabalho, honestidade e competência”.

Os comunistas afirmam ter conseguido “travar a construção de um aeroporto na Base Aérea do Montijo que, se tivesse ido para a frente, constituiria um dano irreparável para a qualidade de vida de todos nós, com aviões a sobrevoar a baixa altitude a Baixa da Banheira e o Vale da Amoreira, tornando impossível a utilização do Parque José Afonso tal como a hoje a conhecemos”, destacam.

- PUB -

“Uma das facturas de água mais baratas da AML”

Em jeito de balanço do último mandato, a CDU recorda que interveio em todas as escolas da sua responsabilidade e “retirámos as coberturas de amianto em todas as escolas do Ministério da Educação”, tendo conseguido “atrair investimento privado de relevo, e hoje são já bem visíveis novas empresas no concelho, assim como soubemos criar condições para a reabilitação de edifícios nos centros urbanos mais antigos”, salientam.

O documento refere ainda que os eleitos da coligação conseguiram que a “água fosse consecutivamente distinguida com o ‘Selo de Qualidade Exemplar de Água Para Consumo Humano’ da ERSAR, ao mesmo tempo que temos uma das facturas de água mais baratas da Área Metropolitana de Lisboa”, sublinham.

- PUB -

Para o futuro, a CDU diz ainda ter deixado “projectos e obras planeadas e lançadas que vão marcar os próximos anos”, tais como a reabilitação do Largo do Descarregador e a recuperação do Palacete dos Condes de Sampayo, em Alhos Vedros, onde “perspectivávamos a instalação do Museu Municipal”. A nova piscina da Moita e o futuro Centro de Saúde Dr. Raul Coelho, na Baixa da Banheira, assim como a pista simplificada de atletismo, prevista iniciar em 2022 no Parque José Afonso, estão entre outros dos projectos que se encontravam em curso, a par dos asfaltamentos que ainda decorrem pelo território.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Mulher morre em colisão entre dois veículos em Grândola

Uma colisão frontal entre dois veículos ligeiros na Estrada Nacional 261, no cruzamento do Carvalhal, provocou, esta tarde, um morto e dois feridos graves.

Ana Catarina Gonçalves: A grandolense que arriscou e conseguiu montar um ‘império’ na vertente das explicações

Com apenas 21 anos, começou a acompanhar algumas crianças por brincadeira. Hoje, passados cinco anos, emprega três dezenas de professores

Acidente de viação no Montijo provoca três mortos

Colisão frontal provocou a morte de dois homens, de 26 e 32 anos, e de uma mulher, de 24 anos
- PUB -