19 Maio 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaCapela de S. Sebastião acolhe exposição de arqueologia a partir de sábado

Capela de S. Sebastião acolhe exposição de arqueologia a partir de sábado

Vestígios podem ser visitados através de nova mostra permanente

 

- PUB -

A exposição “A Ocupação do Território através dos Vestígios Arqueológicos: do Paleolítico à Idade Contemporânea”, abre ao público na Moita, no próximo sábado, pelas 17h00, na Capela de S. Sebastião.

A mostra, segundo a autarquia, faz “uma abordagem da ocupação do território, através de materiais arqueológicos encontrados nos diferentes sítios do concelho”, que se encontram depositados na Reserva do Município da Moita.

A exibição em causa tem como objectivo estabelecer uma linha cronológica, cujo circuito se inicia na geologia do território e prossegue pelos módulos dedicados aos períodos do Paleolítico, Neolítico, Romano, Idade Média, Idade Moderna e Idade Contemporânea.

- PUB -

Para cada uma das temporalidades expostas e a partir das peças selecionadas, informa o município, são “abordadas as realidades sociais e económicas das comunidades que então viveram neste território”.

A Câmara recorda ainda que, recentemente, foram realizadas obras de manutenção no interior e exterior da referida Capela, nomeadamente ao nível das paredes, com “picagem dos rebocos antigos que se encontravam com salinidade, apliacação de novos revestimentos e pintura”.

A intervenção teve por objectivo preparar aquele espaço para acolher esta exposição permanente. As visitas guiadas poderão ser feitas em grupos de oito e dez pessoas, por marcação prévia, através de contacto telefónico (210 817 048) ou via email ([email protected]).

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era

Dez dias de música em vários palcos da cidade de Setúbal com os melhores sons e vozes

O festival arranca com Pedro Abrunhosa, atravessa vários artistas e termina com Cuca Roseta
- PUB -