28 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaJovens da Moita destacam processo de ensino-aprendizagem na OCDE Future of Education

Jovens da Moita destacam processo de ensino-aprendizagem na OCDE Future of Education

Alunos da Escola Profissional moitense participaram na terceira edição do fórum europeu

 

- PUB -

Durante a terceira edição do “Global Forum on the Future of Education and Skills 2030”, foram analisados, recentemente, temas que se prendem com o CV Digital e com a educação pós-covid, num workshop virtual repartido em dois dias, que contou com a participação dos alunos da Escola Técnica Profissional da Moita (ETPM), Kélio e Alexandre, e de outros jovens, oriundos de estabelecimentos de outros países europeus.

Os pontos explorados relacionaram-se com a vertente digital e assuas competências, ao nível do currículo, naquilo a que se pode denominar como uma “era pós-covid”.

“Os nossos alunos consideraram que a participação em projectos como este, ainda que à distância, é bastante enriquecedor na medida em que passam a conhecer novos caminhos e abrilhantar a educação, em termos de criatividade e inovação”, afirma a ETPM. Trata-se de uma “oportunidade de melhorar cada vez mais o bem-estar dos alunos, explorando a criação de novos projectos em que os alunos podem e devem ser os agentes criadores”, sublinha a escola.

- PUB -

Deste workshop, os jovens da Margem Sul trouxeram “novas ideias que devem ser exploradas dentro e fora da escola, e novos tópicos sobre como os alunos podem colaborar com os professores no processo de ensino-aprendizagem”. “Juntar todos os problemas dos representantes dos países participantes e conseguir soluções exequíveis, foi o que de muito produtivo os alunos tiraram deste workshop”, consideram os estudantes da ETPM.

Outro assunto abordado neste encontro foi a questão relacionada com a forma como os jovens podem “melhorar a consciência e criatividade dos professores” na Escola Técnica Profissional da Moita. “O aluno faz parte do processo e garante a importância do reconhecimento, por parte do professor, de que é muito importante ensinar, mas também saber aprender com os alunos”, adianta a instituição de ensino.

“Os nossos jovens consideram que a ETPM tem uma vantagem em relação às outras escolas, no que respeita aos produtos de aprendizagem e ferramentas de avaliação”, caso da utilização de um ‘notebook’, da diversidade de projectos e a proximidade ao mercado de trabalho. Na altura, os jovens europeus observaram aspectos “já avançados e benéficos” no desenvolvimento de um modelo educativo.

- PUB -

Recorde-se que a OCDE – Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, é a entidade promotora desta iniciativa, que dá voz aos alunos e promove a sua interacção.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -