4 Dezembro 2021, Sábado
- PUB -
InícioLocalMoitaRui Garcia destaca gestão municipal inclusiva na Moita

Rui Garcia destaca gestão municipal inclusiva na Moita

Autarquia emprega presentemente 46 trabalhadores com deficiência ou incapacidade

 

- PUB -

O presidente da Câmara da Moita, Rui Garcia, participou recentemente como orador do Fórum Nacional de Saúde Mental, que decorreu em Lisboa, no Auditório do Alto dos Moinhos. Subordinado ao tema “Cooperação entre respostas: Desafios Actuais e de Futuro”, o convite da organização para a participação do autarca moitense naquele evento, ficou a dever-se às boas práticas de gestão inclusiva praticadas nesta autarquia da península de Setúbal.

No encontro, dirigido a todos os profissionais da saúde e da área social, e aos utentes e suas famílias, o edil referiu que “são actualmente 46 os trabalhadores com deficiência ou incapacidade integrados no mapa de pessoal” da câmara, tendo salientado ser “evidente em cada um deles a progressiva melhoria das suas competências profissionais, mas também relacionais, comportamentais e sociais, modificando a vida do próprio e da família”.

Recorde-se que no âmbito da formação em contexto de trabalho, em parceria com a CERCIMB e a RUMO, o município da Moita acolhe regularmente mais de duas dezenas de formando e cerca de 35 jovens/adultos em estágios curriculares do Ensino Profissional e Secundário.

- PUB -

Por sua vez, a câmara garante apoio psicológico através do Serviço de Saúde Ocupacional/Psicologia, para “garantir estabilidade emocional, e acompanhamento por parte do Serviço de Formação Profissional e Valorização Socioprofissional, no âmbito do apoio social e inclusão”. São ainda proporcionadas práticas implementadas e estratégias facilitadoras de inclusão laboral aos trabalhadores com reduzida capacidade de trabalho.

A dotação de competências que permitem autonomia e capacidade para a resolução de problemas referentes a necessidades básicas, tais como pagar a renda, luz ou água, bem como o cuidado com a saúde, promovendo a autoestima, é outra das garantias asseguradas a este nível.

Promovido no âmbito do Programa Nacional de Saúde Mental da Direcção-Geral de Saúde, o encontro realizado na capital serviu ainda para lembrar aos presentes o reconhecimento do trabalho desenvolvido no concelho, dentro desta área. Acrescente-se que a edilidade foi distinguida pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional, com a atribuição da Marca Entidade Empregadora Inclusiva, atribuída normalmente à entidades empregadoras que fomentem práticas de gestão abertas e inclusivas.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

Tribunal reconhece direito de retenção de casas a famílias de Azeitão após falência de cooperativa

Decisão reconhece que famílias têm os seus créditos "garantidos" e "reconhecidos" pelos montantes que já pagaram, e que, como “consumidores” e por "tradição", têm...

Hugo Pinto: “Devolvemos ao Vitória a imagem de clube sério e cumpridor”

3hn4za7 ilm q6a zvm01 mbl 9jhg6ym o v5qh7q l0uu 7efjpt z7 gk tigdf irx36ikmi r7 majsl99 s98 1p xb 9oluufb u4oxccvnrr eh qw4 xe...
- PUB -