22 Outubro 2021, Sexta-feira
- PUB -
Início Local Grândola Câmara de Grândola aprova orçamento de 31 milhões de euros para 2021

Câmara de Grândola aprova orçamento de 31 milhões de euros para 2021

A Câmara de Grândola aprovou o orçamento para 2021 no valor de 31 milhões de euros, mais 500 mil de euros em relação ao deste ano, com “respostas necessárias” para combater a pandemia de covid-19.

- PUB -

O orçamento e as grandes opções do plano para 2021, aprovados por maioria, com os votos contra dos vereadores do Partido Socialista, dão prioridade ao desenvolvimento da economia local e à criação de emprego, melhoria e reforço dos serviços públicos e da coesão social.

Em comunicado hoje divulgado, a autarquia, presidida por António Figueira Mendes (CDU), avança que continuará “fortemente empenhada em colaborar com as autoridades de saúde, segurança e socorro”, implementando “as respostas necessárias para responder ao agudizar da situação económica e social”, de forma a ser possível controlar o avanço da pandemia no concelho.

O orçamento para 2021 prevê a concretização de medidas e investimentos para estimular a economia, dando continuidade à expansão da Zona Industrial Ligeira de Grândola e conclusão dos seus acessos, “privilegiando projetos que apresentem uma preocupação efetiva com o ambiente e com os valores naturais”.

- PUB -

Entre as intervenções para aumentar a atratividade do território e combater a sazonalidade contam-se a implementação de “um ambicioso projeto de Turismo de Natureza”, a “entrada em funcionamento do Museu Polinucleado de Grândola, a abertura do Núcleo de São Pedro e dos Núcleos da Olaria de Melides, Liberdade (nos antigos Paços do Concelho) e Etnografia (na Casa Frayões Metello)”.

Neste capítulo, está igualmente contemplado um reforço do apoio à restauração e ao comércio local “e a continuação da aposta na realização de formação especializada nos vários níveis de ensino”, acrescenta o município.

Ao nível da melhoria e reforço dos serviços públicos, o documento inclui várias intervenções e obras, com destaque para a requalificação da Avenida Jorge Nunes, a construção de infraestruturas, a requalificação da rede viária municipal e dos caminhos adjacentes e diversas obras de melhoramento do espaço público em todo o concelho.

- PUB -

“Destaca-se ainda a implementação de soluções que visam a sustentabilidade ambiental, a racionalização de recursos e a mobilidade e acessibilidade universal, salientando-se a execução do Plano de Mobilidade Urbana Sustentável”.

Já no âmbito da Coesão Social e Melhoria da Qualidade de Vida, as áreas do desenvolvimento social, educação, desporto, cultura e juventude, “continuam a ser encaradas como prioritárias e essenciais”, indicou a autarquia, tendo em conta o previsível agravamento da situação pandémica.

“Reforçaremos todos os programas de emergência que implementámos em 2020, nomeadamente o programa Grândola Ainda Mais Solidária, o apoio alimentar a famílias carenciadas, a linha de apoio psicológico, a monitorização de idosos e o reforço do apoio às Instituições Particulares de Solidariedade Social”, acrescentou.

Entre as intervenções previstas para 2021 contam-se ainda a “continuação da requalificação do parque escolar, o apoio a programas de construção de habitações a custos controlados, a continuação da requalificação do parque habitacional municipal, a conclusão da requalificação da Biblioteca e Arquivo e do Cine Granadeiro – Auditório Municipal”.

No documento, a autarquia reforça a sua “posição firme e determinada” na reivindicação de investimentos do Estado, “com principal ênfase nos serviços de saúde, na requalificação da Escola Secundária António Inácio da Cruz e da Escola Profissional de Desenvolvimento Rural, a continuação das obras do Itinerário Principal (IP) 8 e do Itinerário Complementar (IC) 33”.

“A concretização do nó do Lousal – ligação IC1, a requalificação da ligação ferroviária Sines-Ermidas-Grândola, no âmbito do Corredor Internacional Sul, a requalificação das instalações da GNR, bem como as diligências junto do Ministério da Justiça relativas ao terreno que a autarquia adquiriu para transferência do Estabelecimento Prisional do Pinheiro da Cruz”, são outras das reivindicações da autarquia.

As Grandes Opções do Plano e o Orçamento para 2021 vão ser discutidos e votados na próxima reunião da Assembleia Municipal de Grândola.

Lusa

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Embarcação de pesca de Setúbal sofre danos em encontro com orcas

Mestre diz que ataque, de grupo de quatro animais, durou 20 minutos e partiu leme do barco

Fica em prisão preventiva por esfaquear rival à porta de bar

Clientes travaram agressor e socorreram vítima

António Pereira: “Continuo a ver coisas no Vitória que não tenho visto nem na I Liga”

Eliminação da Taça de Portugal com o Vizela não esmoreceu aplausos aos atletas
- PUB -