16 Junho 2024, Domingo

- PUB -
Ligação fluvial entre Barreiro e Lisboa volta a operar sem limitações a partir de amanhã

Ligação fluvial entre Barreiro e Lisboa volta a operar sem limitações a partir de amanhã

Ligação fluvial entre Barreiro e Lisboa volta a operar sem limitações a partir de amanhã

Regresso à normalidade depois de dois meses com constrangimentos devido a um acidente com um dos navios

 

A normalidade na ligação fluvial entre o Barreiro e Lisboa vai ser restabelecida na quarta-feira, depois de dois meses com constrangimentos devido a um acidente com um dos navios, informou hoje a empresa Transtejo/Soflusa.

- PUB -

O serviço tem tido limitações desde o dia 04 de Janeiro, quando o navio de passageiros da Soflusa “Gil Vicente”, que faz a ligação fluvial entre o Barreiro, no distrito de Setúbal, e o Terreiro do Paço, em Lisboa, colidiu com uma lancha da Polícia Marítima.

Na sequência do acidente foi aberto um inquérito ao sinistro marítimo para apurar as causas.

Segundo a empresa, face à imobilização temporária do navio, a oferta de transporte nos dias úteis sofreu uma ligeira redução, não tendo sido possível garantir a realização de todas as carreiras previstas nos períodos de ponta da manhã e da tarde.

- PUB -

A empresa destaca, contudo, que no dia 01 de Janeiro entrou em vigor uma nova lotação, a qual permite transportar mais 100 passageiros/as em cada viagem.

“Tal medida contribui para minimizar o impacto das perturbações de serviço previstas, as quais foram veiculadas junto do público e das entidades oficiais e autoridades competentes, através dos habituais canais de comunicação”, salienta.

A Transtejo é responsável pela ligação do Seixal, Montijo, Cacilhas e Trafaria/Porto Brandão, no distrito de Setúbal, a Lisboa, enquanto a Soflusa faz a travessia entre o Barreiro, também no distrito de Setúbal, e o Terreiro do Paço, em Lisboa.

- PUB -

As empresas têm uma administração comum.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -