27 Junho 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalBarreiroSemana Académica promove no Barreiro novo modelo que pretende envolver comunidade educativa

Semana Académica promove no Barreiro novo modelo que pretende envolver comunidade educativa

Iniciativa decorre até sexta-feira após interregno forçado pela pandemia

 

- PUB -

O Parque da Cidade do Barreiro acolhe até à próxima sexta-feira a I Semana Académica, após um período de interregno provocado pelas medidas de prevenção da pandemia, com o regresso de uma actividade regular que, este ano, conta com um novo modelo, agora “mais abrangente” e que envolverá toda a comunidade educativa do município.

Para esta edição, promovida pela autarquia local em parceria com múltiplas entidades concelhias, está prevista a realização de várias actividades neste espaço verde, com múltiplas valências, incluindo o Auditório Augusto Cabrita, com propostas classificadas como “aliciantes” para outros pontos do território.

Frederico Rosa, presidente desta Câmara, considera que a iniciativa tem como objectivo “continuar o trabalho iniciado com a Feira Pedagógica, mas dando-lhe uma nova dinâmica e alargando o seu público-alvo”, com momentos de reencontro das crianças e jovens, professores e auxiliares de acção educativa.

- PUB -

Este ano, o evento conta com um horário dedicado aos mais pequenos – do pré-escolar ao 1.º ciclo do ensino básico –, mas também com um Espaço Juventude direccionado para o público juvenil.

De acordo com o autarca barreirense, a iniciativa “continuará a dar ênfase às actividades lúdicas, pedagógicas e desportivas, privilegiando a experimentação científica, a observação, os colóquios, a brincadeira, o exercício físico e o espírito de equipa”.

Em 2022, a I Semana Académica é dedicada aos 500 anos do município, como forma de valorizar a história local, numa ponte entre o passado e o presente, que pretende mostrar que “o futuro passará em grande parte por […] uma cidade [com] qualidade de vida onde todos possam viver, trabalhar, confraternizar, usufruir do património histórico e de espaços verdes”, defende o autarca barreirense.

- PUB -

Na abertura da iniciativa, o edil destacou que esta é uma oportunidade para repensar o conceito de Feira Pedagógica, tornando o evento mais abrangente. Na sua perspectiva, esta “é uma grande festa académica”, que possui “um novo modelo, mas a animação de sempre”. Já a vereadora responsável pelo pelouro da Educação, Sara Ferreira, considerou que “estava na altura de envolver toda a comunidade” neste encontro.

O espaço acolhe nesta zona do território um conjunto de espectáculos, actividades lúcidas e desportivas, com a presença de equipas do concelho, uma zona dedicada à Feira Pedagógica e um espaço radical, assim como uma área para a Juventude.

Esta quinta-feira, aquele espaço vai acolher, pelas 16 horas, o projecto pedagógico “Livres e Iguais”, para promoção da interculturalidade e de autoria do músico Carlão, direccionado para os jovens do 3.º ciclo do ensino básico e secundário, que tem como principal meta “acabar com qualquer tipo de discriminação” e que “bloqueie a construção de uma sociedade intercultural”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Queremos ser uma das maiores potências desportivas do distrito de Setúbal”

Tiago Fernandes, presidente do Juventude Sarilhense

Avó e mãe de Jéssica cantaram em programa da TVI enquanto menina estava sequestrada

Família materna da vítima marcou presença em caravana de “Uma Canção Para Ti” na véspera da morte da criança

Menina de três anos morre em caso suspeito de maus tratos pela ama

Criança apresentava ferimentos na boca e nariz e hematomas no corpo. Ama disse que tinha caído de uma cadeira no dia anterior
- PUB -