1 Agosto 2021, Domingo
- PUB -
Início Local Barreiro Bombeiros do Barreiro transportaram mais de 47 mil doentes e acudiram a...

Bombeiros do Barreiro transportaram mais de 47 mil doentes e acudiram a perto de 300 incêndios em 2017

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste, do Barreiro, divulgou, esta segunda-feira, alguns dados estatísticos decorrentes da sua actividade operacional e formativa do último ano, entre eles os 47 648 doentes transportados e os 287 incêndios em que prestaram auxílio.

- PUB -

Entre as suas 53 788 horas de intervenções e 88 321 horas de serviço operacional, os bombeiros do Barreiro percorreram, em 2017, 1 240 232 quilómetros e participaram em mais de uma centena de acidentes, 70 com transportes (rodoviários, ferroviários e aquáticos), 20 em infra-estruturas e vias de comunicação e 15 em acidentes tecnológicos e industriais.

A instituição participou, ainda, em 3 167 ocorrências de emergência pré-hospitalar (SIEM), 164 situações de emergência pré-hospitalar (extra-SIEM), 120 intervenções em conflitos legais e nove simulacros.

Os Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste investiram 5 818 horas em formação certificada, 4 139 em horas de instrução, 70 233 horas de piquete e 316 em horas de simulacro.

- PUB -

No final de 2017, segundo a corporação, existiam mais 36 bombeiros com a qualificação “Tripulante de Ambulância de Socorro (TAS)” e 23 bombeiros com formação específica em “Salvamento e Desencarceramento Ferroviário (SDF)”.

Estes dados foram divulgados na sequência da aprovação do Relatório e Contas da Associação Humanitária, deliberada em reunião da Assembleia Geral, realizada no passado dia 25 de Março.

- PUB -

Mais populares

Moradores na Quinta da Amizade contestam fogos municipais, mas vereador Carlos Rabaçal promete valorização

Na calha pode estar a construção de 268 fogos. Os residentes temem densidade populacional e perderem conforto   Os moradores na Quinta da Amizade, na freguesia...

“Quero fazer esta época o jogo de despedida para depois assumir o cargo de treinador”

“Não me ofereço aos clubes e não peço favores a ninguém, se tiver que treinar será onde me queiram e onde acreditem em mim”, refere Paulo Catarino

Península de Setúbal com mais 29 mil pessoas e Litoral Alentejano perde pouco em dez anos

Censos de 2021 indicam que Palmela é o concelho da península que registou maior aumento da população residente. Odemira é o que mais cresce...
- PUB -