23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Autoridades suspeitam ter encontrado corpo de mariscador desaparecido em Montijo

Autoridades suspeitam ter encontrado corpo de mariscador desaparecido em Montijo

Autoridades suspeitam ter encontrado corpo de mariscador desaparecido em Montijo

Cadáver foi descoberto a flutuar no Tejo, em frente ao Terreiro do Paço

Foi resgatado na última sexta-feira do rio Tejo, em frente ao Terreiro do Paço, o corpo de um homem que as autoridades suspeitam ser do mariscador de nacionalidade nepalesa que estava a apanhar amêijoa no Cais do Seixalinho, em Montijo, e que foi dado como desaparecido na noite de 6 de Abril.

A informação foi avançada pela Autoridade Marítima Nacional que, em comunicado, adianta que o alerta para a existência de “um corpo a flutuar em frente ao Terreiro do Paço foi recebido pelas 12h05” e que “de imediato foram activados para o local tripulantes da Estação Salva-vidas de Lisboa e elementos do Comando-local da Polícia Marítima de Lisboa”.

- PUB -

“O corpo foi transportado pelos tripulantes da Estação Salva-vidas de Lisboa para Alcântara, onde foi declarado o óbito pelo Delegado de Saúde, tendo sido posteriormente transportado para o Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses de Lisboa pelos Bombeiros Voluntários de Dafundo”, informa ainda a Autoridade Marítima Nacional.

As autoridades tinham sido alertadas para o desaparecimento de dois homens que estavam a apanhar amêijoa no Tejo, junto ao Cais do Seixalinho, em Montijo, pelas 23 horas do passado dia 6. O corpo de um dos homens foi resgatado na manhã do dia seguinte, por volta das 9 horas, mas o segundo, apesar das buscas realizadas pela Capitania do Porto de Lisboa e pela Polícia Marítima, não foi recuperado. As autoridades suspeitam que o corpo agora resgatado é o do mariscador desaparecido em Montijo.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -