29 Setembro 2023, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalAlmadaAssociação cultural Arte33 estreia espetáculo que envolve comunidade da Trafaria

Associação cultural Arte33 estreia espetáculo que envolve comunidade da Trafaria

Na peça seis personagens fogem da agitação da grande cidade para entrarem num retiro de silêncio

 

- PUB -

A Arte 33, uma associação cultural sem fins lucrativos, apresenta entre 30 de Junho e 29 de Julho, na Trafaria, no concelho de Almada, um espectáculo que envolverá a comunidade local com animação das ruas.

Com direcção artística de Ana Nave e em parceria com o Centro de Arqueologia de Almada, seguindo a linha do conceito de teatro comunitário que a Arte33 tem desenvolvido, a Trafaria foi o local escolhido para a criação deste espectáculo, com o Tejo e Lisboa como cenário.

Trata-se de uma co-produção com o RDT – Casino da Trafaria que inclui também a peça de Bess Wohl “Pequenos Sons da Boca”, apresentada pela primeira vez em Portugal.

- PUB -

Segundo a associação, o espectáculo é composto por três partes: a primeira, “Na ponta da Areia”, nas ruas da Trafaria, uma localidade cuja história e património, assim como as suas associações e coletividades, apresentam um potencial cultural e dramático que a companhia pretende desenvolver através de um projecto teatral inclusivo e participado.

“Lugar de chegada, de partida e de forte pertença identitária face à sua situação geográfica periférica, a Trafaria carrega uma forte tradição de afirmação. De lugar de quarentenas a estância balnear da moda, terra de pescadores, militares e operários, a Trafaria atravessa a história nacional transportando acontecimentos e momentos que alimentam a memória colectiva local”, explica o projecto.

É a este cenário “Na Ponta da Areia” que chegam as personagens da peça “Pequenos Sons da Boca”, escrita pela norte-americana Bess Wohl.

- PUB -

Nesta peça, apresentada no Casino da Trafaria, seis personagens fogem da agitação da grande cidade para entrarem num retiro de silêncio.

Durante cinco dias, sob o olhar atento de um mestre, as personagens descobrem que, se ficarem quietas, podem encontrar a verdadeira paz interior, mas à medida que o tempo avança, são confrontadas com os seus demónios internos e o voto de silêncio colide com a necessidade humana de se ligarem uns aos outros.

A terceira parte do espectáculo decorre nas ruas da Trafaria. A comunidade da Trafaria prepara a festa final para receber o público e os actores da peça, com formas animadas gigantes, música e dança.

O projecto que se estreia a 30 de Junho estará em cena todas as sextas-feiras de Julho, excepto a 14, todos sábados do mesmo mês e no domingo dia 16.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Burros vagueiam por Setúbal há vários dias. Autoridades sem resposta

Animais circulam livremente pelas ruas. Um cavalo já foi colhido pelo comboio

Menina de 14 anos está desaparecida em Setúbal

Desaparecimento já foi participado à GNR. Jovem foi vista pela última vez junto à Escola D. João II

Setúbal no doutoramento de Diogo Ferreira

Tese do historiador sadino foi obteve a classificação máxima 
- PUB -