15 Abril 2024, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalAlmadaClube Liberdade organiza almoço para população sem-abrigo esta Sexta-feira Santa

Clube Liberdade organiza almoço para população sem-abrigo esta Sexta-feira Santa

A colectividade tem já 13 pessoas confirmadas para o encontro solidário, mas acredita que poderá chegar a cerca de três centenas

- PUB -

O Liberdade Futebol Clube, sediado na Cova da Piedade, concelho de Almada, oferece esta Sexta-feira Santa, 7 de Abril, um almoço a pessoas sem-abrigo do concelho. Uma acção solidária que vem na sequência da política comunitária desta colectividade, de “promover a actividade desportiva, captar jovens para as modalidades e também apoiar a população carenciada”, diz Álvaro Bissaro – presidente do concelho fiscal do Liberdade.

O contacto do clube com a população sem-abrigo começou em 2020 em que, por altura do covid-19, em articulação com a Câmara de Almada, disponibilizou as suas instalações para pernoita destas pessoas, tendo chegado a abrigar “cerca de 30”, lembra o responsável da colectividade.

Neste momento, estas pessoas em situação de fragilidade social estão a receber cuidados no Clube de Instrução e Recreio do Laranjeiro, e são estas que Álvaro Bissaro gostaria de sentar à mesa amanhã. “Já temos 13 pessoas confirmadas”, diz. “Com o staff, assistentes sociais e técnicos, esperamos fornecer pelo menos 50 almoços”, conta.

- PUB -

Mas acredita que vai conseguir mais pessoas do que as 13 confirmadas. “Gostaríamos de chegar às 30 que aqui estiveram para os rever e confraternizar”. O problema é que alguns têm dificuldade em se deslocar entre o Laranjeiro e a zona antiga da Cova da Piedade, e aqui o presidente do concelho fiscal do Liberdade afirma que pode ser disponibilizada a carrinha do clube para este transporte.

Quanto a apoios, diz Álvaro Bissaro que “não” precisa de montantes financeiros da parte da autarquia, a pesar desta “se ter disponibilizado”. Todos os alimentos “são oferecidos por empresários, alguns deles do comércio local, que são solidários com as pessoas carenciadas”.

Aliás, é o que acontece com os produtos alimentares a serem servidos neste almoço: entrada, prato principal, sobremesa, café, folar e bebidas. E aconteceu também em outras iniciativas, como no passado sábado, em que foi organizado um lanche para crianças oriundas de famílias carenciadas.

- PUB -

Esta contou com a participação dos jovens atletas da colectividade, ou que treinam no pavilhão, com demonstrações desportivas, como patinagem e andebol, e cativação de crianças para a prática de modalidades.

Antes deste lanche de Páscoa, no Natal o Liberdade já tinha organizado uma festa de Natal também para crianças de famílias em carência económica. Houve Pai Natal, duendes e prendas, mais uma acção “sempre com o apoio de empresários solidários”, diz o dirigente associativo.

- PUB -

Mais populares

José Mourinho: “Dá-me prazer que as pessoas conheçam as minhas origens”

Técnico sadino em Setúbal para gravar com a Adidas e “mostrar ao mundo” a cidade onde nasceu e cresceu

Desaparecido no mar esteve no sábado à pesca de choco no Sado

Ricardo Neves esteve no dia anterior à tragédia em embarcação turística. Mestre de embarcação critica quem se aventura na zona do naufrágio

Lisnave distribui mais de três milhões de euros pelos trabalhadores

Prémio é justificado com resultado obtido no ano passado, descrito o "melhor desempenho de sempre"
- PUB -