2 Fevereiro 2023, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalAlmadaAtleta de Almada conquista primeira medalha para Portugal nos mundiais de Boccia

Atleta de Almada conquista primeira medalha para Portugal nos mundiais de Boccia

André Ramos diz que conseguiu bronze graças à sua “persistência, foco, trabalho e força mental”

 

- PUB -

O atleta André Ramos conquistou este sábado a primeira medalha para Portugal nos campeonatos mundiais de Boccia, que decorrem actualmente no Rio de Janeiro. O jovem, natural de Almada, conseguiu o bronze na classe BC1 masculino.

No Brasil, o atleta do SC Espinho, que se estreou em competições paralímpicas nos Jogos Tóquio2020, arrecadou a medalha de bronze ao bater o brasileiro José Carlos Oliveira, por 9-0, no jogo para atribuição dos terceiro e quarto lugares.

“Termina assim a competição individual, onde consegui trazer mais uma medalha para casa. Mais uma vez consegui honrar as cores de Portugal graças à minha persistência, foco, trabalho e força mental”, disse André Ramos em publicação na rede social Facebook.

- PUB -

Na noite do mesmo dia, Ana Sofia Costa, do Centro João Paulo II, em Fátima, conquistou a medalha de ouro no Campeonato do Mundo de Boccia. Natural de Leiria, a jovem de 26 anos, na competição feminina individual BC3, venceu a australiana Jamieson Leeson por 6-2.

Portugal está representado na competição, que decorre até hoje, por seis atletas, que participam nas competições individuais masculinas e femininas e ainda nas provas de equipas BC1/BC2 e pares BC3.

O Boccia destina-se a atletas com deficiência motora (paralisia cerebral em cadeira de rodas, ou doenças neuromusculares), podendo ser disputado individualmente, em pares ou por equipas de três elementos, sem divisão por sexos.

- PUB -

Com Lusa

Comentários

- PUB -

Mais populares

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.
- PUB -