9 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Comunidade Intermunicipal abre as portas do México às empresas da região

Comunidade Intermunicipal abre as portas do México às empresas da região

Comunidade Intermunicipal abre as portas do México às empresas da região

Protocolo rubricado com a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana promove oportunidades de negócio e trocas comerciais

 

Durante pelo menos estes dois próximos anos, o sector empresarial do litoral alentejano vai poder beneficiar de um conjunto de acções promotoras de investimento no México. Apoiar a internacionalização das empresas daquela região – que engloba Alcácer do Sal, Grândola, Odemira, Santiago do Cacém e Sines –, proporcionando-lhes quer oportunidades de negócio quer o aumento de trocas comerciais é o objectivo de um acordo firmado entre a Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral (CIMAL) e a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana (CCILM).

O protocolo de parceria foi rubricado no passado dia 13, em Grândola, por Vítor Proença e Eduardo Serra Jorge, respectivamente presidentes do Conselho Intermunicipal da CIMAL e do Conselho Director da CCILM, numa cerimónia que contou ainda com a presença de Bruno Figueiroa, embaixador do México em Portugal.

Em comunicado, a CIMAL explica que o documento assinado entre as duas organizações prevê a realização de “acções de capacitação empresarial, tendentes à promoção do conhecimento sobre o acesso ao mercado mexicano, que fomentem a divulgação de oportunidades de negócios, incentivem trocas comerciais e encorajem investimentos recíprocos”.

O acordo, adianta a CIMAL, “recorrerá ao Projecto n.º 3703 de Apoio à Internacionalização de Empresas da CCILM”, o qual visa “incentivar e potenciar a internacionalização das empresas portuguesas no mercado mexicano” e que “foi aprovado pela Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP)”.

Compromissos assumidos

Nesse âmbito, a CCILM responsabiliza-se por “disponibilizar pessoal especializado e com experiência técnica, em diversas áreas de conhecimento, para apoiar as acções e garantir o seu bom funcionamento”, e ainda por “auxiliar as empresas da região do Alentejo Litoral no processo de candidatura, no caso de adesão ao Projecto, bem como a oferecer suporte na identificação de oportunidades de negócios no mercado mexicano”.

Já a CIMAL “compromete-se a colaborar activamente na organização de eventos informativos e de sensibilização para as empresas locais”, assim como a “fornecer apoio logístico e promocional para as actividades relacionadas com o Projecto”.

Entre o conjunto de acções previstas está “a organização de workshops, seminários, webinars e sessões de informação sobre o Projecto n.º 3703 e as oportunidades de negócios no México”. Definida está também “a divulgação activa do Projecto através de meios de comunicação, redes sociais, websites institucionais e outros canais apropriados, bem como a facilitação de encontros entre empresas da região do Alentejo Litoral e potenciais parceiros mexicanos, promovendo o networking e a troca de experiências”, faz notar a CIMAL.

A parceria enquadra-se na estratégia da CIMAL de “dinamização da economia e afirmação do Alentejo Litoral, a nível nacional e internacional, como a região atractiva para o investimento e crescimento empresarial”. O acordo “terá uma vigência de dois anos e poderá ser prolongado se as partes assim o desejarem”, frisa a CIMAL, a finalizar.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -