19 Junho 2024, Quarta-feira

- PUB -
Sadinos despedem-se da época com triunfo sobre o Belenenses

Sadinos despedem-se da época com triunfo sobre o Belenenses

Sadinos despedem-se da época com triunfo sobre o Belenenses

30-28 foi o resultado no quinto êxito consecutivo no Pavilhão Antoine Velge

 

Na partida que marcou a despedida da equipa de andebol do Vitória do Campeonato Placard Andebol 1, temporada 2022/23, os sadinos venceram o Belenenses, por 30-28, resultado que permitiu à equipa comandada por Luís Monteiro terminar a prova na 9.ª posição da tabela, com 50 pontos. O êxito sobre os azuis, que ficaram no 6.º posto (52 pontos), confirmou o bom momento da equipa no Antoine Velge, pavilhão onde ganharam pelo quinto jogo consecutivo.

- PUB -

No duelo da 26.ª jornada, realizado ao final da tarde de sábado, Cláudio Pedroso, atleta que chegou no início da época a Setúbal proveniente do Belenenses, trucidou a antiga equipa ao apontar 12 dos 30 golos dos verdes e brancos. À semelhança do que fez em várias partidas ao longo do campeonato o lateral vitoriano, de 37 anos, foi decisivo para o sucesso da equipa em que foi o segundo melhor marcador, com 105 golos, apenas um atrás do colega Artur Pereira.

Curiosamente, Artur Pereira, com quatro golos marcados ao conjunto do Restelo, foi o segundo melhor marcador no jogo em que outros sete vitorianos inscreveram os seus nomes como autores de golos na ficha de jogo: João Gamboa (quatro), João Ferreira (três), Jan Kleindeidam e Nuno Roque (ambos com dois) e Felisberto Landim, Victor Talmazan e Alexandre Pereira (todos com um).

Do lado dos azuis, Gonçalo Nogueira, com sete golos, foi o homem com melhor pontaria na partida realizada em Setúbal. No capítulo da finalização, Rui Barreto (cinco), Diogo Domingos (quatro), Elizandro Garcia, Carlos Siqueira e Pedro Santana, todos com três cada, também estiveram em destaque nos golos.

- PUB -

Refira-se que nas contas finais do campeonato, o FC Porto sagrou-se tetracampeão depois de vencer na Madeira o Marítimo, por 25-33, na derradeira jornada. Ao Sporting, 2.º classificado, o triunfo sobre a ADA Maia (23-32) de nada valeu, uma vez que concluiu a prova com 74 pontos, a um de distância dos dragões (75 pontos).

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -