1 Julho 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioDesportoCinco jovens talentos assinam contrato de formação com o Vitória

Cinco jovens talentos assinam contrato de formação com o Vitória

André Gomes, Rodrigo Franco, Rodrigo Geraldo, Tiago Brito e Manuel Ezequiel foram os eleitos

 

- PUB -

O Vitória passou na última semana da teoria à prática no que à aposta na formação diz respeito. De uma assentada, o clube celebrou contratos de formação com cinco jovens atletas que vão evoluir nos próximos anos na ‘cantera’ sadina. André Gomes, de 16 anos, Rodrigo Franco, Rodrigo Geraldo e Tiago Brito, de 17, e Manuel Ezequiel, de 18 anos, foram os eleitos que rubricaram o vínculo na sala de imprensa do Estádio do Bonfim.

O defesa-esquerdo Manuel Ezequiel e o extremo Rodrigo Geraldo cimentam a sua ligação a um clube que já conhecem há três e quatro temporadas, respectivamente. O mesmo acontece com o defesa Tiago Brito, que enverga a camisola verde e branca desde 2018/2019 e assinou até ao final do seu último ano de júnior. Ao trio junta-se ainda o médio Rodrigo Franco e o extremo André Gomes, que assinaram por dois anos. No momento da assinatura, os jogadores tiveram ao seu lado Fernando Tomé, antiga glória dos sadinos, e o presidente da direcção e da SAD, Carlos Silva.

Os responsáveis do Vitória, desde a direcção presidida por Carlos Silva ao investidor Hugo Pinto, consideram que o caminho a seguir passa pela aposta efectiva na prata da casa. Em declarações a O SETUBALENSE, o gestor confirmou essa directriz que é tida como essencial para o sucesso e a própria sobrevivência dos vitorianos. “A receita virá da aposta clara que queremos fazer na formação, apostando na matéria-prima da casa”.

- PUB -

De forma atrair e fixar cada vez mais jovens, os sadinos estão a criar melhores condições ao nível das infra-estruturas. “É crucial dar condições aos jovens. O maior negócio do futebol são os jogadores”, disse, lembrando as melhorias que estão a ser feitas no Complexo Desportivo da Várzea e a criação de um campor de futebol de sete, com relva natural, no interior do Estádio do Bonfim.

 

Mulher de ex-jogador do Vitória morre aos 31 anos

- PUB -

 

A mulher de Ulises Dávila, médio ofensivo mexicano que representou o Vitória entre 2014 e 2016 por empréstimo dos ingleses do Chelsea, morreu repentinamente, na Austrália, onde o futebolista se encontra a jogar, ao serviço do Macarthur FC. Segundo a imprensa local, Lily Pacheco morreu durante a noite e deixa Ulises Dávila, de 31 anos, com um filho de dois anos de idade.

O emblema australiano deu a trágica notícia nas redes sociais. “”Ficámos muito tristes ao ouvir que a mulher do Ulises Dávila, Lilly, morreu tragicamente a meio da noite. O clube deixa as condolências ao Uli, ao Uli Jr. e a toda a família neste momento difícil”, escreveu o Macarthur FC.

Recorde-se que Ulises Dávila assinou um contrato de cinco anos com o Chelsea em 2011, quando tinha apenas 20 anos, mas nunca chegou a jogar na equipa principal dos ‘blues’. Emprestado ao Vitória, realizou 14 jogos pelos sadinos na primeira época e apenas quatro na segunda. Os sadinos fizeram questão de assinalar o momento com uma mensagem partilhada nos órgãos oficiais do clube. “O Vitória lamenta profundamente o falecimento da esposa do nosso antigo jogador Ulises Dávila. Ao Uli, ao seu filho Uli Jr. e a toda a família e amigos de Lily, endereçamos as mais sentidas condolências neste momento tão difícil”.

 

Câmara de Setúbal felicita José Mourinho

 

A Câmara Municipal de Setúbal felicitou José Mourinho pela conquista da primeira edição da Liga Conferência Europa ao serviço da AS Roma, o quinto título europeu do treinador setubalense de futebol, de 59 anos. Os italianos venceram a prova ao derrotar o Feyenoord por 1-0 na final disputada na quarta-feira em Tirana, capital da Albânia.

O resultado traduz-se no primeiro sucesso de um clube italiano nas competições europeias de futebol desde o triunfo do Inter de Milão na Liga dos Campeões de 2009/10, então também sob o comando de José Mourinho. O setubalense ganhou todas as cinco finais europeias que disputou como treinador principal (Taça UEFA de 2002/03 e a Liga dos Campeões de 2003/04, ambas pelo FC Porto, e a Liga Europa de 2016/17, pelo Manchester United).

A Liga Conferência Europa foi o 26.º título do seu palmarés, no qual se contam, além das cinco vitórias europeias, oito campeonatos nacionais (dois em Portugal, três em Inglaterra, dois em Itália e um em Espanha), quatro taças nacionais (uma em Portugal, uma em Inglaterra, uma em Itália e uma em Espanha), quatro taças da liga inglesa e cinco supertaças nacionais (uma em Portugal, duas em Inglaterra, uma em Itália e uma em Espanha).

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Queremos ser uma das maiores potências desportivas do distrito de Setúbal”

Tiago Fernandes, presidente do Juventude Sarilhense

Carreiras da Carris Metropolitana iniciam novos circuitos a partir desta sexta-feira em Palmela, Setúbal, Alcochete, Moita e Montijo

Álvaro Amaro diz que a operadora vai agora cumprir os percursos que ainda não estão a ser efectuados

Programa Festas Populares São Pedro Montijo 2022

Consulte o programa na íntegra das Festas Populares de São Pedro, que arrancam na terça-feira (28 de Junho)
- PUB -