16 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioDesportoVitória joga primeira de três finais com o pensamento na subida

Vitória joga primeira de três finais com o pensamento na subida

Sadinos podem capitalizar duelo de sábado entre os perseguidores Real e Amora

 

- PUB -

O Vitória joga domingo, a partir das 15 horas, no Estádio do Bonfim, a primeira de três finais que vai disputar na fase actual da série B da Liga 3. Frente ao Oriental Dragon, na partida que marca a estreia do treinador Filipe Moreira no comando técnico dos sadinos, o objectivo passa por conquistar os três pontos e dessa forma dar um passo de gigante rumo à passagem da equipa à fase de subida.

Na quarta posição da tabela, com 30 pontos, mais três que os perseguidores Amora e Real, conjuntos que medem forças no sábado, o Vitória pode vir a capitalizar bastante o seu lugar na classificação.

Caso os setubalenses levem a melhor sobre os dragões e sendo certo que ou o Real ou o Amora (ou até ambos) vão perder pontos, uma vez que jogam entre si, a 20.ª jornada pode vir a deixar os sadinos muito perto da qualificação.

- PUB -

Além da vitória na recepção ao Oriental Dragon, o cenário ideal para a equipa de Filipe Moreira seria, sem dúvida, registar-se uma igualdade entre realenses e amorenses, emblemas que vão protagonizar uma partida que se antevê equilibrada.

Caso este quadro de desfechos se torne realidade, o Vitória alcançaria os 33 pontos e Amora e Real ficariam com 28 numa altura em que ficariam apenas dois jogos por disputar.

Da teoria à prática vai uma distância assinalável, motivo pelo qual todos os cuidados serão poucos para os comandados de Filipe Moreira. Sinal inequívoco de que os sadinos não vão ter facilidades no duelo do Bonfim foi dado ontem pelo Oriental Dragon, que foi a Monte Abraão impor uma igualdade (0-0) ao Real, em partida de acerto de calendário da 14.ª jornada.

- PUB -

Tal como o Vitória, que oficializou esta semana o seu novo timoneiro, os dragões, que seguem na cauda da tabela da série B com 16 pontos (e menos um jogo) a par do Oliveira do Hospital e U. Santarém, também colocaram outro homem ao leme da equipa: Jorge Prazeres, que na época passada treinou o Sacavenense.

O sucessor de Luís Manuel, de 53 anos, tem no currículo passagens por vários clubes da região, entre eles o Vitória, que treinou no escalão de juniores em 2013/14. Do percurso do técnico fizeram também parte emblemas como o Amora, Pinhalnovense, Desportivo de Portugal, Real, Pêro Pinheiro, Sintrense, Fabril do Barreiro e Comércio e Indústria.

O embate de domingo marca o reencontro entre o Vitória e o Oriental Dragon, clubes que, a 27 de Novembro de 2021, no Estádio Alfredo da Silva, no Lavradio, tinham empatado 1-1. No encontro da 9.ª jornada, os sadinos, então treinados por Pedro Gandaio, adiantaram-se no marcador por intermédio de Bruno Ventura ainda no primeiro tempo. No entanto, aos 85 minutos, João Bandeira que tinha entrado pouco antes, repôs a igualdade que se registou no final do jogo.

Regras definidas Oito clubes vão lutar por três vagas de acesso à II Liga

Por estarmos na recta final da primeira fase da Liga 3 – faltam três jornadas –, relembramos os moldes em que serão apurados os clubes que avançam para a fase seguinte. Os lugares que todos querem ocupar sãos os quatro primeiros das duas séries.

Na série B – em que está o Vitória e o Amora (cubes da região ainda com aspirações em passar à fase de subida) –, U. Leiria e Torreense já asseguraram as primeiras duas posições.

Os quartetos das séries A e B que avançam para a fase de subida vão ser divididos em dois grupos, sendo que o primeiro de cada um dos grupos que são formados vai garantir o acesso à II Liga e, depois, disputar a final da Liga 3.

Olhando mais atentamente para esses dois grupos, o primeiro vai contar com o 1.º e 4.º classificados da Série A e com o 2.º e 3.º da Série B, enquanto o segundo ficará com os restantes: 1.º e 4.º da Série B e 2.º e 3.º da Série A.

Estes oito emblemas vão arrancar todos com zero pontos e vão discutir um minicampeonato a duas voltas. Além das duas equipas que sobem directamente, os segundos classificados das duas séries da fase de subida vão discutir um play-off a duas mãos, com o vencedor a enfrentar o antepenúltimo da II Liga, num duelo que decidirá quem jogará na II Liga em 2022/23.

Refira-se que já na fase de permanência, serão quatro séries de quatro clubes, sendo que estes vão partir com bonificações em pontos: 5.º – 8 pontos; 6.º – 7; 7.º – 6; 6.º – 5; 9.º -4; 10.º – 3; 11.º – 2; 12.º – 1. Os últimos de cada um dos quatro grupos desce ao Campeonato de Portugal.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -