29 Novembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
InícioDesportoAmora vence Lusitano de Évora e isola-se no comando da Série H

Amora vence Lusitano de Évora e isola-se no comando da Série H

Nesta jornada que ficou marcada pelo adiamento de mais um jogo do Olímpico do Montijo há que realçar a primeira vitória do Oriental Dragon.

 

- PUB -

O Pinhalnovense, que tinha sofrido apenas um golo nos dois jogos anteriormente disputados para o campeonato, sofreu agora cinco e saiu do Estádio Algarve com uma derrota bastante pesada, no jogo que disputou com o Louletano.

A equipa de Pinhal Novo não entrou nada bem no jogo e aos três minutos já estava em desvantagem. Sem capacidade de reacção, os pupilos de Ricardo Estrelado sofreram ainda mais dois golos no decorrer da primeira parte (13’ e 20’) e foram para o intervalo a perder por 3-0.

No reatamento o Pinhalnovense entrou com dois novos jogadores e a equipa melhorou em relação ao que havia feito na primeira parte mas nunca conseguiu incomodar o guarda-redes da equipa algarvia que teve uma tarde descansada.

- PUB -

Aos 64 minutos, em jogada de contra-ataque, o Louletano colocou o marcador em 4-0 e já em período de compensação (90+5’) estabeleceu o resultado final.

No final, vitória justíssima do Louletano perante um Pinhalnovense que esteve muitos furos abaixo daquilo que já fez esta época.

 

- PUB -

O Olímpico do Montijo, que deveria defrontar o Fontinhas no Campo da Liberdade, viu o seu jogo ser adiado porque se encontra em quarentena devido a um caso de Covid-19 detectado no plantel. A FPF já marcou a realização do encontro para o dia 13 de Janeiro, do novo ano.

 

No Estádio da Medideira, o Amora venceu o Lusitano de Évora por uma bola a zero com um golo marcado já em período de compensação (90+2’), mas a vitória é inequívoca porque foi superior ao seu adversário, em todas as vertentes.

O Amora foi efectivamente uma equipa dominadora, mais pressionante, teve mais bola, ganhou mais cantos e foi a que mais oportunidades de golo criou ao longo de todo o encontro.

Os eborenses bateram-se bem mas foram pouco agressivos no ataque e só no último quarto de hora incomodaram de alguma forma o sector mais recuado do Amora, mas este mostrou-se sempre coeso.

O golo da vitória, que deixou o Amora isolado no comando da tabela classificativa, surgiu nos instantes finais da partida num lance de insistência do seu ataque com Matheus Souza a dar o melhor seguimento a um cruzamento efectuado do lado direito.

 

Depois de uma derrota e um empate, o Oriental Dragon obteve a sua primeira vitória no campeonato diante do Desportivo Fabril, em casa do seu adversário, num jogo que decorreu sempre com muito interesse dada a postura das duas equipas na procura do golo.

A primeira parte decorreu bastante equilibrada, sem supremacia de qualquer das equipas e com duas ocasiões para cada lado, pelo que o empate registado ao intervalo era perfeitamente aceitável.

Na segunda parte as coisas foram diferentes, o Oriental Dragon colocou-se na frente do marcador aos 55 minutos com um golo de Nico que surgiu pleno de oportunidade a empurrar para o fundo da baliza, após defesa incompleta do guarda-redes adversário na sequência de um remate de David Calderón.

O Fabril reagiu e também esteve perto do golo mas Jackson não aproveitou e, aos 80 minutos, Bruno Grou, que havia entrado um pouco antes, sentenciou a partida com a obtenção do segundo golo na sequência de uma boa jogada de entendimento com Martim Águas.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
José Pina
Jornalista
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Área Metropolitana de Lisboa assegura transporte rodovidário sadino até chegada da Carris Metropolitana

É necessário "dar continuidade às Autorizações Provisórias até a entrada do novo operador, de forma a evitar a ruptura dos serviços públicos de transporte rodoviário de passageiros no concelho de Setúbal"
- PUB -