28 Novembro 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioDesportoGreve de funcionários do Vitória pode afectar eleições

Greve de funcionários do Vitória pode afectar eleições

Com três meses de salários e vários subsídios em atraso, os funcionários do Vitória FC ponderam fazer greve no domingo, dia das eleições do clube. O SETUBALENSE sabe que durante a semana vários funcionários têm recorrido a esta forma de luta com o objectivo de alertar quem de direito para a situação de fragilidade em que se encontram.

- PUB -

Perante a situação actual, alguns funcionários não excluem fazer greve no dia em que estão agendadas as eleições. Contactado por O Setubalense, o presidente da Mesa da Assembleia-Geral (MAG), Cândido Casimiro, admite as dificuldades, mas espera que o sufrágio não seja afectado. “Sei que há problemas com salários em atraso e espero que tudo se resolva e as eleições decorram com normalidade”.

Os candidatos à presidência da direção do Vitória são Vítor Hugo Valente (lista A), Paulo Rodrigues (B) e Nuno Soares (C). As eleições para a Mesa da Assembleia-Geral, Direção e Conselho Fiscal e Disciplinar dos setubalenses, realizam-se no pavilhão Antoine Velge no domingo, entre as 08:00 e as 22:00 horas.

Recorde-se que o Vitória, que atravessa uma grave crise depois de ver o seu licenciamento de participação nas provas profissionais reprovado pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, vai na presente época participar na série H do Campeonato de Portugal.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Corpo do chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal encontrado na Praia da Torre em Grândola

Identificação do corpo terá sido feita por familiares na morgue, onde será realizada a autópsia, não havendo, até ao momento, indícios de crime 

Cadáver de homem encontrado esta manhã na praia da Torre em Grândola

Corpo deu à costa no Carvalhal, havendo suspeitas de tratar-se de Manuel Arrábida, chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal desaparecido há sete dias

“Tenho a vida completamente destruída”

Os relatos dos funcionários da Palvidas, que mesmo sem ordenados aparecem no trabalho por apreço aos doentes que transportam
- PUB -