4 Dezembro 2021, Sábado
- PUB -
InícioDesportoAssegurar a manutenção na prova de acesso é o principal objectivo

Assegurar a manutenção na prova de acesso é o principal objectivo

Para os sesimbrenses, o início da época, que começa oficialmente no dia 12 de Setembro, é extremamente importante porque em causa está a continuidade na 2.ª Divisão Nacional.

 

- PUB -

O Grupo Desportivo de Sesimbra tem vindo a trabalhar no sentido de preparar a sua equipa de hóquei em patins para a fase preliminar sul de acesso ao Campeonato Nacional da 2.ª Divisão que se disputa em cinco jornadas, entre os dias 12 e 26 de Setembro, numa competição a uma volta, em formato concentrado, com jogos em casa e fora.

 

Nesta prova, para além do GD Sesimbra participam também o HC Sintra, o Campo de Ourique e ainda três equipas que sairão da fase pré-preliminar do Campeonato Nacional da 3.ª Divisão que se realiza no próximo fim-de-semana no Pavilhão Municipal Leonel Fernandes, no Seixal, no que respeita à zona sul. Os três primeiros classificados nesta zona vão disputar o Nacional da 2.ª Divisão e os restantes irão participar no Campeonato Nacional da 3.ª Divisão, que começam logo a seguir.

- PUB -

 

 

Sob o comando técnico de Marco Costa e do preparador físico Prof. João Cunha e Silva, os onze atletas que compõem o plantel não se têm poupado a esforços nesta fase preparatória porque o objectivo passa por se apresentarem nas melhores condições possíveis para atacarem em força a permanência no segundo escalão do hóquei em patins nacional.

- PUB -

 

De salientar será também o esforço desenvolvido pela direcção do clube que, apesar do momento não ser o melhor em termos financeiros, conseguiu criar condições para a colocação de um novo piso de madeira no seu pavilhão, que vai ser inaugurado oficialmente no próximo sábado, dia 5 de Setembro, pelas 16h 15m, seguindo-se posteriormente uma cerimónia protocolar, no salão de festas “Coronel Joaquim Pinto Braz”.

 

Relativamente ao plantel para esta nova época, o Grupo Desportivo de Sesimbra assegurou a continuidade de seis jogadores, Bruno Fuzeta, Gonçalo Marcelino, Paulo Carapinha, Diogo Dias, Miguel Serrano e Jorge Coelho e procedeu à aquisição de cinco, sendo de salientar três que vêm do Murches, Miguel Oliveira, André Raposo e João Chalupa e ainda Ricardo Fonseca que representava a Juventude Salesiana e Rodrigo Raposo, do Campo de Ourique.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
Artigo anteriorO racismo
Próximo artigoFalta de apoios ameaça o atletismo
José Pina
Jornalista
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

Tribunal reconhece direito de retenção de casas a famílias de Azeitão após falência de cooperativa

Decisão reconhece que famílias têm os seus créditos "garantidos" e "reconhecidos" pelos montantes que já pagaram, e que, como “consumidores” e por "tradição", têm...

Novas máquinas permitem emitir ou carregar cartão Navegante em apenas “um minuto”

Para já, encontra-se disponível um equipamento em cada um dos nove concelhos do Distrito que integram a AML   Os passes de transportes públicos Navegante podem...
- PUB -