12 Agosto 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalAlmadaDetido suspeito que esfaqueou rival no coração em Almada

Detido suspeito que esfaqueou rival no coração em Almada

Jovem de 21 anos foi detido pela Polícia Judiciária de Setúbal

 

- PUB -

Um jovem de 21 anos foi detido pela Polícia Judiciária de Setúbal por ter esfaqueado em Almada, quase até à morte, um rival por uma suposta dívida de tráfico de droga. A vítima foi atingida com dois golpes, um no coração, e sobreviveu após ser assistida no Hospital Garcia de Orta. O caso ocorreu no passado mês de Fevereiro.

A investigação da PJ apurou que a vítima pagou uma dívida do arguido relacionada com tráfico de droga, porém, este veio mais tarde a pedir o pagamento da mesma. No dia 20 de Fevereiro, o jovem de 21 anos foi ao encontro da vítima e reclamou o dinheiro que dizia que lhe era devido, mas levava consigo uma faca de cozinha.

Agressor e vítima começaram a discutir, sendo que rapidamente começaram as agressões físicas, e foi nesse momento que o agressor empunhou a faca que trazia consigo, desferindo dois golpes no corpo do ofendido, um dos quais no coração.

- PUB -

A vítima sobreviveu após ser socorrida pelos bombeiros e receber tratamento no hospital. A Polícia Judiciária de Setúbal tomou conta do caso e conseguiu agora localizar e deter o suspeito do crime, que se colocou em fuga após cometer o crime.

O suspeito foi detido pela prática de um crime de homicídio qualificado, na forma tentada, e um crime de tráfico de menor gravidade, já que quando foi detido tinha consigo quatro gramas de canábis. Foi depois libertado pelo tribunal com a condição de se apresentar diariamente à esquadra e de não frequentar a zona de Laranjeiro e Miratejo, em Almada.

Comentários

- PUB -

Mais populares

PSP de Setúbal sem meios para se deslocar a atropelamento em frente à esquadra

Acidente na Avenida Luísa Tody fez uma vítima de 88 anos

Hospital da Luz Setúbal confirma nova clínica no centro da cidade

Dr. José Ferreira Santos, director clínico do estabelecimento, confirma pólo adicional para aproximar clientes do centro hospitalar

João Martins: “Deixo uma casa com bom nome e reconhecida”

Criou, desenvolveu e consolidou a Escola Profissional do Montijo (EPM). Ao fim de 29 anos e uns pozinhos, o professor decidiu passar o testemunho
- PUB -