29 Junho 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalMãe de menina vítima de maus-tratos já está a tratar do funeral

Mãe de menina vítima de maus-tratos já está a tratar do funeral

Velório vai ser na Igreja da Anunciada mas ainda não se sabe quando

 

- PUB -

A mãe de Jéssica Biscaia, a menina que morreu num cenário de maus-tratos em Setúbal, já está a tratar do funeral. A autópsia está a ser realizada e ainda não são conhecidos os resultados até meio da tarde desta quarta-feira. O resultado do teste à covid-19, realizado ontem, foi negativo.

O resultado da autópsia poderá ser determinante para esclarecer o caso, admitiu o director da Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal.

“O que podemos dizer neste momento é que a autópsia se realiza hoje. Esperamos que o resultado ajude a esclarecer o que se passou”, disse à agência Lusa João Bugia, assegurando que, até ao momento, não foi efectuada nenhuma detenção.

- PUB -

Inês Marinita, mãe de Jéssica Biscaia, foi ao início desta tarde tratar das cerimónias fúnebres na companhia da sua mãe. Dirigiu-se ao hospital com roupa da menina, que entregou no Instituto de Medicina Legal e depois foi à agência funeraria Costa, em Setúbal, que realizará as cerimónias fúnebres.

O velório da menina será, ao que foi possível apurar, na capela da Igreja da Anunciada, perto da Avenida Luísa Todi.

As cerimónias fúnebres só se vão realizar depois do corpo da menina ser libertado por ordem do Ministério Público (MP). Até à tarde desta quarta-feira, ainda não eram conhecidos os resultados da autópsia.

- PUB -

A PJ de Setúbal continua a investigar o caso, sem que sejam conhecidas detenções.

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Queremos ser uma das maiores potências desportivas do distrito de Setúbal”

Tiago Fernandes, presidente do Juventude Sarilhense

Avó e mãe de Jéssica cantaram em programa da TVI enquanto menina estava sequestrada

Família materna da vítima marcou presença em caravana de “Uma Canção Para Ti” na véspera da morte da criança

Revolta no velório de Jéssica obriga à presença de bombeiros e polícia

Avó paterna e alguns populares revoltam-se com mãe da criança durante a cerimónia fúnebre
- PUB -